Vasco tenta reencontrar a energia positiva contra o CRB e voltar ao caminho das vitórias

Vasco de Nene tenta reencontrar o caminho do sucesso na Série B do Brasileiro (Foto: Daniel Ramalho/CRVG)


A fase do Vasco é ruim. E é contra ela que o time entra em campo nesta quinta-feira. Em São Januário, o CRB é apenas um adversário de respeito. A positividade que o Cruz-Maltino tenta reencontrar precisa ser maior. E a tentativa é de que assim seja, a partir das 19h.

+ 40 anos da Tragédia do Sarriá: lembre seleções históricas que não levantaram taças

A torcida estará presente, e Maurício Souza, que centralizava a maioria das críticas, já não estará mais à beira do campo. Emílio Faro, auxiliar-técnico da comissão permanente, será o comandante. A tendência é de apoio quase que incessante da arquibancada. E é o que os jogadores precisam.

- Temos que pensar jogo a jogo, mas, com certeza, esses dois próximos jogos, como serão um em seguida do outro, nós temos que encarar como uma final. Dar a vida para conseguir os seis pontos e voltar à dinâmica em que estávamos, de vitórias e resultados bons. Então, para nós, vão ser primordiais esses dois jogos para a nossa volta a onde estávamos - analisou Nene.

-> Confira a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

O citado jogo seguinte será contra a Chapecoense, também em São Januário. Mas a urgência é por voltar a vencer já.

- No primeiro turno, nós fizemos esses dois jogos (CRB e Chapecoense) fora, e agora teremos o fator casa, o apoio da torcida. Vamos buscar bons jogos para voltarmos a ter a credibilidade do nosso torcedor e conquistar os seis pontos, que são importantes - pregou o capitão Anderson Conceição.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos