Contra o Brusque, Vasco precisa superar atual marca negativa para engrenar na reta final da Série B

Vasco venceu o Guarani na última rodada (Thomaz Marostegan/Guarani FC0


O Vasco como mandante é "diferente" em relação ao visitante. Com o fator São Januário, o torcedor cruz-maltino faz valer sua força para empurrar a equipe rumo à vitória. Por outro lado, o Gigante da Colina está em má fase longe do Rio de Janeiro. Ao todo são cinco derrotas consecutivas fora de casa.

+ Veja a classificação da Série B

O Vasco precisa voltar a pontuar longe de São Januário. Afinal, a distância para o quinto colocado, que já foi de oito pontos, atualmente está reduzida a quatro. Por isso, um bom resultado contra o Brusque, neste sábado, é fundamental para mostrar que o time também é forte longe de São Januário.

É evidente a ansiedade para recolocar o Gigante da Colina no devido patamar. Contudo, o momento é de incentivo e tranquilidade. Inclusive, é o que pensa o diretor executivo de futebol Paulo Bracks.

- Desde que cheguei, procurei dar tranquilidade aos jogadores. Um grupo de jogadores que estão desde o início do ano, dando a probabilidade do acesso, que vamos conseguir - ponderou Bracks em sua primeira entrevista coletiva pelo Vasco.

Confira os últimos cinco placares do Vasco como visitante:
16/07/2022 - Sampaio Corrêa 3 x 1 Vasco - Castelão
23/07/2022 - Vila Nova 1 x 0 Vasco - Serra Dourada
​09/08/2022 - Ponte Preta 3 x 1 Vasco - Moisés Lucarelli
18/08/2022 - CSA 2 x 0 Vasco - Rei Pelé
​28/08/2022 - Bahia 2 x 1 Vasco - Arena Fonte Nova