Conselho do Santos aprova mudanças no estatuto; veja pontos principais

Celso Jatene é o presidente do Conselho do Santos (Foto: Divulgação/SantosFC)


O Conselho Deliberativo do Santos discutiu e votou alterações no estatuto do clube na noite desta segunda-feira (12). A condução foi realizada pela mesa do Conselho junto com a Comissão do Estatuto, que preparou o parecer sobre as emendas enviadas pelos conselheiros.

Entre as principais mudanças estão a redução de membros do Conselho Deliberativo para 150 membros eletivos (atualmente o número gira em torno de 240), redução dos membros do Comitê de Gestão para cinco membros (atualmente são nove), aumento do prazo de tempo de sócio de três anos para votar (atualmente é de um ano), adequação do estatuto para SAF, punição caso a gestão atrase pagamentos por dois meses consecutivos ou não, entre outros.

O texto do parecer foi aprovado. No entanto, duas emendas foram votadas separadas: uma teve 98 votos e a outra 99 votos. A mesa do Conselho vai avaliar se essas duas emendas regimentalmente estão corretas. Elas podem ser acrescentadas se estiverem corretas, e uma redação final deve ser enviada aos conselheiros nesta quinta-feira (15).

Após essa redação final, o presidente marcará a data da Assembleia Geral em que os sócios irão votar de maneira híbrida (online e presencial) se aprovam ou não a mudança do Estatuto. Não será votada alteração por alteração, mas o texto como um todo. A expectativa é de que essa votação dos associados aconteça até o mês de novembro.