Confira cinco pontos para ficar de olho em Vasco x Brusque

Com a força da torcida, Vasco conquistou três vitórias e dois empates no mês de maio (Foto: Armando Paiva)


O Vasco encara o Brusque nesta quinta-feira, em São Januário. A Colina Histórica tem sido aliada do Cruz-Maltino, mas o ataque e a defesa da equipe de Zé Ricardo também merecem atenção.

Força em casa: jogar em São Januário tem sido positivo para o Vasco nesta Série B do Campeonato Brasileiro. As três vitórias da equipe no campeonato foram na Colina Histórica.

Ataque pobre:
os números ofensivos do time de Zé Ricardo continuam fracos. Em nenhum dos oito jogos até aqui, a equipe conseguiu marcar mais de um gol. Será nesta quinta-feira que as coisas mudam?

Defesa forte: se o ataque vai mal, a consistência defensiva da equipe cruz-maltina é das melhores da competição. São seis gols tomados até aqui. Nenhum nos últimos três jogos.

Palacios: existe grande possibilidade de o meia-atacante chileno começar jogando nesta quinta-feira. Resta saber se na vaga de Figueiredo ou de Raniel. E se ele vai resistir o jogo inteiro - o recente reforço vem ganhando minutos.

Raniel: seja titular ou reserva, o camisa 9 do Vasco deverá entrar em campo. E vai tentar quebrar o jejum de quatro jogos sem fazer gols.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos