Com tranquilidade, Cruzeiro bate o Operário-PR pela Série B e fica muito próximo do acesso

Edu, ainda no primeiro tempo, marcou o único gol do jogo - (Thomás Santos/Staff Images)


O Cruzeiro está, definitivamente, muito perto do acesso à elite do futebol brasileiro. Na noite desta quinta-feira, o time celeste venceu o Operário-PR, pelo placar de 1 a 0, com gol marcado por Edu. Com o resultado, a Raposa chega aos 62 pontos, na liderança da competição, enquanto o Fantasma permanece na 18ª colocação - com apenas 30 tentos.

Durante o primeiro tempo, o que se viu no Mineirão foi um jogo truncado e bastante faltoso. Além disso, o início da partida foi marcado por uma longa paralisação para troca de árbitros, já que Douglas Marques das Flores sentiu uma lesão muscular.

Por consequência, a etapa inicial contou com um longo período de acréscimo. E foi no tempo adicional que Edu, atacante estrelado, encontrou seu 19º gol na temporada, o nono na Série B, para abrir o marcador. Na reta final, já atrás do placar, o time paranaense se lançou ao ataque, e exigiu boas intervenções de Rafael Cabral.

Nos primeiros minutos do período complementar, ainda mais controle do Cruzeiro, que, com a posse de bola, não permitia avanços do adversário. O Operário também, não tinha uma válvula de escape em velocidade, para sequer levar perigo.

Nesse contexto, o resultado, mesmo que mínimo, foi suficiente para que o Cruzeiro garantisse o triunfo. Foi a 13ª vitória em 15 jogos como mandante na Série B - o que configura a melhor campanha nessas condições.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS:

Enquanto o Cruzeiro enfrenta o CRB, no próximo sábado, às 20h30, no Estádio Rei Pelé, em Alagoas, o Operário-PR recebe o Guarani, em Ponta Grossa, na terça-feira, 13 de setembro.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA:

CRUZEIRO 1x0 OPERÁRIO-PR

Data: 8 de setembro de 2022 (quinta-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Amanda Pinto Matias (SP)
Árbitro de vídeo - VAR: Daiane Caroline Muniz dos Santos (SP)
Cartões amarelos: Daniel Jr (CRU), Júnior Brandão (OPE), Edu (CRU), Willian Oliveira (CRU), Zé Ivaldo (CRU), Chay (CRU)
Gols marcados: Edu, aos 47'/1ºT (1-0)

CRUZEIRO (Técnico: Paulo Pezzolano)

Rafael Cabral; Zé Ivaldo (Geovane Jesus, aos 24'/2ºT), Lucas Oliveira e Eduardo Brock; Filipe Machado, Willian Oliveira (Pedro Castro, aos 42'/2ºT), Daniel Jr (Chay, aos 34'/2ºT) e Matheus Bidu; Jajá (Leo Pais, aos 34'/2ºT), Bruno Rodrigues e Edu (Luvannor, aos 24'/2ºT).

OPERÁRIO-PR (Técnico: Matheus Costa)

Vanderlei; Arnaldo (Jean Carlo, aos 24'/2ºT), Reniê, Dirceu e Fabiano; Rafael Chorão (Lucas Mendes, aos 14'/2ºT), Fernando Neto (Felipe Saraiva, aos 36'/2ºT), Giovanni Pavani e Reina (Tomas Bastos, aos 14'/2ºT); Paulo Victor e Júnior Brandão (Paulo Sérgio, aos 36'/2ºT).