Com Quintero e Anderson Conceição, Vasco chega ao oitavo jogo consecutivo sem sofrer gol

Dupla de zaga está consolidada e com boa atuações nas partidas (Foto: Daniel Ramalho/Vasco)


A ótima campanha do Vasco na Série B do Brasileiro deste ano se explica pela solidez defensiva. O Cruz-Maltino levou apenas cinco gols e divide o posto de defesa menos vazada com Cruzeiro e Grêmio. Coincidentemente, as três equipes estão no G4.

>Quintero explica vibração após primeiro gol pelo Vasco: 'Quando entro em campo, mudo totalmente'

No entanto, na vitória sobre o Operário-PR, por 3 a 0, o Vasco chegou ao 10º jogo sem sofrer gol na Série B, superando Grêmio e Cruzeiro, que somam nove partidas. Vale lembrar que a Raposa tem um jogo a menos que o Cruz-Maltino, já que a partida contra o Ituano, pela 14ª rodada, foi remarcado para o dia 5 de julho.

É claro que os méritos do sistema defensivo pertencem a toda a equipe, porém quando Quintero e Anderson Conceição estão em campo, é quase certo que o Vasco não vai levar gol. Pelo menos isso foi regra nos últimos oito jogos com a dupla formando a zaga.

O último gol sofrido com ambos em campo aconteceu no empate diante do Tombense, em 1 a 1, no dia 1º de maio. Desde então o Vasco não foi vazado perante o CSA, Bahia, Guarani, Brusque, Grêmio, Cruzeiro, Londrina e Operário-PR. Vale lembrar que os dois gols sofridos na vitória sobre o Náutico, por 3 a 2, Quintero estava suspenso e foi substituído por Danilo Boza.

Melhor defesa, melhor campanha

A defesa sólida garante também a invencibilidade de 14 jogos, a maior da história da Série B, igualando o feito do Náutico, no ano passado. Com esse retrospecto, o Vasco conseguiu somar 30 pontos, o que lhe dá a vice-liderança da competição

Essa pontuação supera todas as campanhas do Vasco na Série B após a 14ª rodada, tendo também o menor números de gols sofridos neste mesmo recorte. No ano passado, o time já tinha sofrido 15 gols e ocupava a 7ª posição com 22 pontos.

Em 2016, o time também tinha levado 15 gols, mas naquela campanha, o Vasco era líder da Série B, com 28 pontos. Já em 2014, a equipe havia sofrido 8 gols e era o vice-líder, com 25 pontos. Em ambas o Cruz-Maltino conquistou o acesso com a 3ª colocação.

Já em 2009, o Vasco tinha sofrido 7 gols nas primeiras 14 rodadas, somava 26 pontos e estava na 5ª posição. Naquela edição, o Cruz-Maltino terminou com o título da Série B.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos