Com gol de pênalti no final, Vila Nova arranca empate com Guarani na Série B do Brasileiro


Jogo movimentado pela Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta quinta-feira (2), o Vila Nova empatou, em 1 a 1, com o Guarani. Os times se enfrentaram no Brinco de Ouro, em Campinas, pela 10ª rodada. Com o resultado, o Bugre segue na lanterna, enquanto os visitantes escapam da zona de rebaixamento.

+ Veja a tabela da Série B e simule os resultados dos jogos

TENSO!

A partida começou com o Guarani tentando pressionar a saída de bola do Vila Nova, que nada conseguiu fazer. Bruno José e Yago exploraram e tiveram boas chances de abrir o placar. Aos 19, a melhor chance foi da equipe visitante, quando Pablo Dyego bateu de canhota e mandou perto do gol de Kozlinski. Em jogada pela direita, Yago bateu cruzado. A bola sobrou para Lucão do Break, que dominou e chutou na saída de Tony, abrindo o placar aos 26. Depois disso, a partida ficou bem equilibrada e sem novas chances.

Guarani x Vila Nova
Guarani x Vila Nova

Guarani e Vila Nova ficaram no empate (Foto: Divulgação/Guarani)

EM BUSCA DOS GOLS!

O Guarani começou a partida mais na pressão na saída de bola do Vila Nova, mas não conseguiu chegar com perigo perto da meta dos visitantes. A situação, porém, mudou aos 21. A arbitragem marcou pênalti para o Vila Nova. Porém, após checagem ao VAR, mudou a decisão. No final, mais um pênalti para os visitantes. Arthur Rezende, aos 50, bateu com firmeza e deixou tudo igual.

FICHA TÉCNICA
GUARANI 1 X 1 VILA NOVA

Local:
Brinco de Ouro, em Campinas (SP)
Data e hora: 2 de junho de 2022 - 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (FIFA) (MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)
Cartões amarelos: Madison, Marcinho (Guarani); Renato, Bruno Collaço e Rafinha (Vila Nova)
Cartões vermelhos: -

GOLS: Lucão do Break (26’/1°T) (1-0); Arthur Rezende (50’/2°T) (1-1)

GUARANI (Técnico: Marcelo Chamusca)

Maurício Kozlinski; Diogo Mateus, Leandro Castan, Ronaldo Alves e Matheus Pereira; Rodrigo Andrade (Silas, aos 30’/2°T), Madison e Giovanni Augusto (Marcinho, aos 38’/2°T); Bruno José (Maxwell, aos 30’/2°T), Lucão do Break (Lucas Venuto, 38’/2°T) e Yago (Ronald, aos 24’/2°T).

VILA NOVA (Técnico: Dado Cavalcanti)

Tony; Moacir, Rafael Donato, Renato e Bruno Collaço (Jefferson, aos 0’/2°T); Rafinha (Ralf, aos 0‘/2°T), Arthur Rezende e Matheuzinho (Wagner, aos 29’/2°T); Pablo Dyego, Daniel Amorim (Rubens, aos 38’/2°T) e Jean Silva (Victor Andrade, aos 15’/2°T).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos