Com mudanças táticas, Brasil enfrenta Gana em amistoso na França

O técnico da Seleção Brasileira, Tite, decidiu fazer duas mudanças táticas na equipe para enfrentar a seleção de Gana em amistoso nesta sexta-feira, na França, a dois meses do início da Copa do Mundo de 2022.

Motivado pelo bom começo de temporada de Neymar no Paris Saint-Germain, o treinador vai escalar Casemiro como único volante de origem no penúltimo jogo preparatório antes da estreia no Catar.

Tite irá testar o recente reforço do Manchester United jogando ao lado do armador Lucas Paquetá, algo que já havia feito com êxito anteriormente, mas com jogadores diferentes, durante as Eliminatórias Sul-Americanas.

O técnico brasileiro também fará uma experiência na lateral-direita, na falta de um concorrente para Danilo na posição, com o zagueiro Éder Militão escalado na função, que ele já exerceu nos tempos de São Paulo, no início da carreira.

"O Paquetá é um segundo meio-campista que te traz um senso de criatividade, mas ao mesmo tempo ele te traz um lateral-direito que te dá um equilíbrio defensivo. A criação e o gol são os nossos objetivos, mas ter ao mesmo tempo consistência", explicou o treinador.

Brasil e Gana estão classificados para o Mundial do Catar e se enfrentam no Stade Océane, na comuna francesa Le Havre, nesta sexta-feira às 15h30 (horário de Brasília). Na terça-feira, a Seleção joga contra a Tunísia em Paris.

- Elogios a Neymar -

Além de poder afinar os detalhes para o Mundial, o time brasileiro vem de um ótimo retrospecto como líder invicto nas Eliminatórias, somado ao bom momento da estrela do time.

Neymar vive seu melhor começo de temporada em anos, marcando 11 gols em suas 11 aparições em partidas pelo PSG, o que deixa os brasileiros na expectativa pelo sexto título mundial.

"Está jogando muito", celebrou Tite, uma figura paternal para o astro de 30 anos, polêmico dentro e fora de campo.

Com Neymar focado e rodeado de novos talentos como Vinicius Junior e Raphinha, os pentacampeões estão tranquilos em relação ao setor ofensivo, onde se espera que o atacante Pedro, do Flamengo, artilheiro da Copa Libertadores (12 gols), tenha minutos para mostrar que pode ser camisa 9 da Seleção na Copa.

Possíveis escalações:

Brasil: Alisson - Éder Militão, Thiago Silva, Marquinhos, Alex Telles - Casemiro, Lucas Paquetá - Raphinha, Neymar, Vinicius Junior - Richarlison. Técnico: Tite

Gana: Joseph Wollacott - Daniel Amartey, Alexander Djiku, Mohammed Salisu - Tariq Lamptey, Thomas Partey, Iddrisu Baba, Andre Ayew, Gideon Mensah - Iñaki Williams, Jordan Ayew. Técnico: Otto Addo.

Árbitro: Mikäel Lesage (FRA).

raa/app/ol/yr/cb