Com dois jogos seguidos em casa, Cruzeiro pode atingir pontuação que garantiu o acesso em 2021

Após empatar diante do Sampaio Corrêa no Maranhão, time celeste enfrenta Criciúma e Operário-PR, em Belo Horizonte - (Foto: Thomás Santos/Staff Images)


Virtualmente garantido de volta à elite do futebol brasileiro, o Cruzeiro já começou uma contagem regressiva para confirmar o acesso, de forma matemática. Agora, o time celeste enfrenta, de forma consecutiva, Criciúma e Operário-PR, em dois jogos que podem ser fundamentais para as pretensões estreladas na Série B.

Caso vença as duas partidas, o time comandado por Paulo Pezzolano chegará aos 64 pontos, marca que atingiu a ascensão do Avaí, quarto colocado na temporada passada. Historicamente, matemáticos apontam que são necessários apenas 63 tentos para que isso aconteça.

Até por isso, há expectativa de dois grandes públicos para ambos os compromissos no Mineirão. Até o momento, a Raposa venceu as 12 partidas que atuou como mandante na capital mineira pela Segunda Divisão Nacional.

Apesar de muito próximo, o técnico celeste, Paulo Pezzolano garante que o acesso só será comemorado depois de matematicamente garantido, mesmo discurso que é corroborado por todo elenco. Posteriormente, o Cruzeiro garante que irá buscar o título da Série B - um feito que seria inédito na história do clube.