Cebolinha analisa que 'está próximo' de melhor fase no Flamengo

Atacante rubro-negro deu uma assistência na partida (Foto: Paula Reis/Flamengo)


Éverton Cebolinha aproveitou a chance e foi importante para a vitória do Flamengo sobre o Red Bull Bragantino por 4 a 1 na noite deste sábado, no Maracanã, pela 29ª rodada do Brasileirão. O atacante deu o passe para o segundo gol do Rubro-Negro. Após a partida, o camisa 11 destacou a evolução.

+ VÍDEO: Torcida do Flamengo faz festa para receber equipe no jogo contra o RB Bragantino

- A cada dia que passa, cada jogo e treino me sinto mais à vontade. Acho que não estou nem há dois meses aqui (Flamengo)... Grupo, Dorival e comissão técnica me acolheram muito bem, têm me dado a confiança para que eu possa desempenhar meu papel. A cada jogo tento ter mais confiança. Fiz uma semana de treinamento muito boa - afirmou.

O atacante analisou que está, aos poucos, retornando à fase que lhe consagrou nos tempos de Grêmio e lhe rendeu, inclusive, vaga na Seleção Brasileira.

- Creio que estou próximo, mas longe ainda no ideal. Quem me viu jogar, especialmente no Brasil, sabe das minhas características. Tive duas temporadas bem difíceis em nível coletivo e individual e acabei perdendo a confiança, e confiança é tudo para um atleta que dribla. A cada jogo e treino tento manter meu ritmo para ficar 100% - completou.

MAIS DECLARAÇÕES DE CEBOLINHA

Finais

- Temos que tentar dosar a ansiedade. São duas finais que todo jogador quer jogar, a gente obviamente fica ansioso para que chegue logo, mas temos que controlar isso porque ainda tem o Brasileiro. Apesar da distância para o Palmeiras ainda tentamos encurtar o mais rápido possível. Viemos de resultados negativos que tiraram um pouco da confiança da equipe, mas hoje fizemos um grande jogo e conseguimos os três pontos.

Estratégia do segundo tempo
- O Dorival pediu que a gente alargasse um pouco mais a equipe adversária, eu de um lado e o Rodinei do outro lado. Deu resultado porque os laterais deles tiveram que subir na gente. Nosso segundo gol saiu em uma jogada de lado de campo e o professor percebeu que essa era a melhor estratégia.