Ceará, Fortaleza e Governo do Estado tem reunião por melhoria no gramado da Arena Castelão

(Foto: Divulgação / Sejuv)


Representantes de Ceará e Fortaleza farão uma reunião na próxima quarta-feira (8) com o Governo do Estado para debater possíveis medidas de melhoria para o gramado da Arena Castelão, alvo de críticas das duas equipes que mais utilizam o estádio.

>Classificados às oitavas da Copa do Brasil e possíveis cruzamentos

Segundo informação que foi veiculada pelo diário 'O Povo', além de medidas menos "invasivas", outras possibilidades de caráter mais drástico serão colocadas em pauta como, por exemplo, a interdição por determinado tempo para uma reforma completa.

A situação envolvendo as condições do gramado geram um misto de sentimentos entre as partes onde, além do desgaste na relação entre clubes e o poder público, há o temor da perda esportiva e até mesmo financeira em não poder atuar na Arena Castelão. Ainda mais em ano onde ambas as equipes disputam torneios continentais (Libertadores e Sul-Americana) em calendário já "espremido" pela Copa do Mundo.

Uma das alternativas que vem sendo analisada é a utilização do Estádio Presidente Vargas como casa de Ceará e Fortaleza para que seja viabilizada a reforma no gramado da Arena. Porém, os dois clubes tem um programa de sócios com alta adesão onde, dentre os benefícios, muitos planos permitem a entrada gratuita no estádio, algo que pode não condizer com a capacidade do PV.

Enquanto no aspecto gerencial as equipes tentam resolver o impasse, no âmbito esportivo a cabeça está voltada para a próxima rodada do Brasileirão. Do lado do Vozão, visando o confronto com o América-MG, na próxima quarta-feira (8), às 19h (de Brasília), em Belo Horizonte. Já para o Leão do Pixi, o duelo será com o Goiás, na quinta (9), às 20h, na Arena Castelão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos