Bustos explica substituições de Marcos Leonardo e Léo Baptistão no clássico

Fabián Bustos usa a tecnologia para tomar decisões no Santos (Foto: Ivan Storti/Santos FC)


O técnico Fabián Bustos explicou porque tirou o atacante Marcos Leonardo em coletiva após a derrota do Santos para o Palmeiras por 1 a 0, na Vila Belmiro, pelo Brasileiro neste domingo (29). O argentino tirou o camisa 9 aos 28 minutos do segundo tempo e foi criticado pela torcida.

- A substituição é porque Marcos Leonardo não estava correndo. Temos um GPS que marca. Se não está correndo, não se pode ganhar na atualidade. O Palmeiras é uma equipe com intensidade superior a todos os times, vem conseguindo mais coisas no futebol brasileiro - afirmou Bustos.

Marcos Leonardo é o artilheiro do Santos na temporada com nove gols marcados. O centroavante é titular absoluto nos jogos e soma 27 partidas e mais duas assistências em 2022 além dos gols.

No mesmo momento da substituição, Fabián Bustos tirou Léo Baptistão, que havia sido um dos melhores do time no primeiro tempo do clássico.

- Léo estava cansado e precisamos refrescar, substituir posição por posição - afirmou o treinador.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos