Briga judicial entre Belo e Denílson tem novo capítulo envolvendo o cantor Thiaguinho


A briga por uma compensação financeira de Belo movida por Denílson ganhou um novo capitulo nesta semana. Segundo o site 'Notícias da TV', a Justiça de São Paulo limitou a penhora de um show realizado em agosto para apenas 15% do valor arrecadado para que isso não atinja o cantor Thiaguinho, que também se apresentou na ocasião.

Belo x Denílson: confira a cronologia da dívida e outras polêmicas da dupla

A decisão foi assinada pelo juiz Carlo Mazza Britto Melfi, que solicitou a apresentação de planilhas de toda a arrecadação do show realizado em agosto no Pacaembu.

- Defiro o pedido de determinação de depósito de somente 15% do valor arrecadado com a venda de ingresso e não de 30%, pois, como ressaltado pelo próprio exequente, o show contou com a participação de outro artista e demais colaboradores, além de não ser possível ignorar outros gastos com a organização do evento, não sendo todo o numerário arrecadado destinado ao pagamento dos artistas - disse o juiz.

Belo e Thiaguinho
Belo e Thiaguinho

Thiaguinho e Belo são amigos e se apresentaram juntos (Foto: Reprodução/Instagram)

Recentemente, Belo teve um pedido de suspensão do pagamento da dívida negado. A Justiça determinou que, para o pagamento ao ex-jogador, os valores arrecadados em apresentações não sejam entregues integralmente ao cantor, sendo transferidos para Denilson.

Denilson e Belo enfrentam uma briga judicial há mais de vinte anos. O ex-jogador gerenciava uma banda de pagode na qual o cantor era líder e vocalista. No ano de 2000, Belo deixou o projeto para viver carreira solo. Por quebra de contrato, o cantor foi condenado a pagar uma indenização para Denilson.