'Bravo' por expulsão no Chile, Calleri exalta raça do São Paulo e promete estar na torcida no Morumbi

Calleri é expulso em Santiago durante vitória no duelo de ida contra Católica (Foto: JAVIER TORRES / AFP)


Um dosa protagonistas do São Paulo na vitória por 4 a 2 sobre o Universidad Católica, no Chile, na última quinta-feira (30/6), no duelo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana, o centroavante Calleri não escondeu a indignação pelo ocorrido. Além dele, Nestor e Igor Vinícius acabaram indo para o chuveiro mais cedo em arbitragem confusa do uruguaio Christian Ferreyra.


GALERIAS
+ ATUAÇÕES: Com o São Paulo com três a menos, Luciano desencanta em goleada cheia de emoções


O argentino confessou 'ter ficado bravo com a expulsão' e ainda garantiu que estrará na torcida no Morumbi para o duelo de volta, na próxima quinta (7).

- A raça do nosso time foi incrível. Estou muito contente porque o grupo saiu muito fortalecido do Chile. Agora esperamos todo mundo no Morumbi. Não posso jogar, estou bravo por isso, mas estarei apoiando! Vamos lutar pela classificação - disse o camisa 9.

Quem também festejou a vitória heroica de quinta foi o lateral-esquerdo Reinaldo. Autor de um gol de pênalti no duelo, o camisa 6 completou 30 tentos e 350 partidas pelo Tricolor no Chile.

- Feliz por mais um gol e pela nossa dedicação. Suportamos bem o segundo tempo, com três a menos. Com um já é difícil, imagine três - destacou Reinaldo.

Agora, o São Paulo retorna ao Brasil para enfrentar o Atlético-GO no domingo (3), às 16h, no estádio Antony Accioly. O encontro será válido pelo Campeonato Brasileiro, onde o Tricolor ocupa a nova colocação, com 19 pontos.

TABELA
> Confira jogos, classificação e simule resultados do Brasileirão-22
> Confira os jogos da Copa Sul-Americana-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do LANCE!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos