Brasileiro entra em ação no ACA 140 em busca de sua segunda vitória no maior evento de MMA da Rússia

Ao lado de Patricky e Patrício Pitbull, Ciro Bad Boy exibe o cinturão conquistado em sua última luta (Foto: divulgação)


Atleta da Pitbull Brothers, o experiente Ciro “Bad Boy” Rodrigues já está em Sochi, na Rússia, onde luta nesta sexta-feira (17) pelo Absolute Championship Akhmat (ACA) 140. O potiguar faz seu retorno à organização diante do russo Salamu Abdurakhmanov, que vem de sete triunfos consecutivos na carreira. Bad Boy lutou quatro vezes no ACA entre 2018 e 2019, tendo apenas uma vitória em sua primeira passagem. Após a saída do evento, se juntou à equipe Pitbull Brothers, pela qual conquistou o cinturão até 84kg do Qualify Combat, e recebeu uma nova oportunidade na organização russa.

“Meus treinos foram ótimos e por isso a expectativa é a melhor possível. Não me sinto pressionado. Vou fazer o meu trabalho, que é lutar. A vitória é consequência. Mas eu estou me sentindo ótimo e feliz em retornar a essa organização maravilhosa. Venho de uma grande vitória no Qualify Combat, onde conquistei o cinturão até 84kg, e chego muito motivado para esse combate”, garantiu o casca-grossa.

Ciro Bad Boy possui um cartel com 33 lutas, sendo 23 vitórias, dez derrotas e 1 no contest (luta sem resultado). Já seu adversário, Salamu Abdurakhmanov, possui apenas 13 lutas de MMA, com 12 vitórias, sendo cinco por finalização e três por nocaute, e apenas uma derrota na carreira. Apesar do bom retrospecto do seu adversário, o brasileiro acredita que pode vencer por nocaute ou finalização.

“Será uma luta muito dura. Uma guerra! É um cara com um cartel quase perfeito, mas ele lutou contra oponentes que favoreciam o seu jogo. Estudei o jogo dele e sei que ele é forte nos low kicks. tem uma boa mão e faz bem o ground and pound. Preciso ficar atento a esses pontos. Minha intenção é explorar a curta distância e trabalhar bem os clinches. As chances dessa luta acabar por nocaute ou finalização são grandes. Meu objetivo é esse: vencer por nocaute ou finalização. Não quero deixar nas mãos dos juízes”, concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos