Boxeador que 'lutou contra fantasma' morre após dois dias internado

Boxeador sul-afriano Simiso Buthelezi ficou inconsciente durante o duelo. Foto: (Reprodução/SABC Sport)
Boxeador sul-afriano Simiso Buthelezi ficou inconsciente durante o duelo. Foto: (Reprodução/SABC Sport)

Após ser colocado em coma induzido, o boxeador sul-africano Simiso Buthelezi não resistiu e faleceu na noite da última terça-feira. Buthelezi ganhou as manchetes mundiais depois de parecer estar lutando contra um fantasma e não contra seu real adversário, Siphesihle Mntungwa, que ficou com o cinturão de campeão nacional, em um duelo válido pelo título nacional de boxe da África do Sul.

Quando o cronômetro da disputa marcava 2 minutos e 43 segundos do 10º e último round, Mntungwa caiu nas cordas e teve de ser socorrido pelo árbitro, que paralisou o combate para que ele pudesse se levantar e reestabelecer para a luta. Foi neste momento, então, que Buthelezi perdeu a consciência e começou a caminhar em direção a um dos quatro cantos do ringue e desferir socos no ar, como se estivesse, de fato, golpeando seu adversário na noite. Autoridade máxima dentro do ringue, o árbitro se viu na obrigação de terminar a luta e determinar que Siphesihle Mntungwa fosse considerado o campeão.

Leia também:

A luta teria um resultado diferente caso Buthelezi continuasse em suas plenas condições, uma vez que ele seria o grande vencedor por pontos, já que atingiu seu adversário mais vezes e com mais contundência. A Federação Mundial de Boxe adiou a entrega do cinturão de Mntungwa por preocupação e respeito com o estado de saúde de Buthelezi.

Treinador de Buthelezi, Bheki Mngomezulu, concedeu entrevista dizendo que não sabe o que aconteceu e que o atleta estava bem antes da luta: "Não houve nada de inconveniente na luta e no treinamento. Ele estava liderando a luta por pontos antes do incidente infeliz ocorrer. Eu realmente não posso explicar o que aconteceu, para ser honesto. Foi desconcertante, mas em seu treinamento e na preparação para a luta, não havia nada de ruim em relação à sua condição. Ele estava bem antes da luta".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos