Botafogo completa 118 anos em processo de reestruturação e esperança por dias melhores


É dia de festa em General Severiano e no Estádio Nilton Santos. Nesta sexta-feira completa-se 118 anos da fusão e o aniversário do Botafogo de Futebol e Regatas. O clube chega na data em um momento importante da história: é a primeira volta em torno do Sol sendo uma SAF.

+ Botafogo encaminha a contratação de Tiquinho Soares, do Olympiacos

O clube passa por uma importante reestruturação fora de campo. Por mais que os resultados dentro de campo ainda sejam irregulares e a expectativa da torcida - que, por razão, desenvolveu grandes olhos - ainda não tenha sido preenchida -, o processo é longo.

A quinta-feira, por exemplo, foi de um marco histórico. A negociação para quitar as dívidas trabalhistas - avaliadas em mais de R$ 400 milhões - com os credores foi um passo importante para o Botafogo quitar os débitos que tanto atormentaram o clube enquanto associação. O pagamento será feito nos próximos anos, de acordo com o acordo.

No que diz respeito ao campo, os investimentos que aparecem nunca foram vistos antes. O clube fez as maiores contratações da história justamente após a chegada de John Textor.

Durcesio Mello, presidente do Glorioso, pavimentou o caminho para um futuro possivelmente melhor que seria se o Botafogo não entrasse no caminho da SAF. Os resultados, é verdade, ainda estão longe de aparecer, mas o Alvinegro tenta se estruturar para isso.