TV Esporte Blog

  • * Colaboração de Fernando Cesarotti

    No mundo machista do jornalismo esportivo, parece que basta aparecer uma mulher em cena para “ouriçar” os marmanjos. Uma reprodução dessa lamentável cena se deu na tarde desta sexta-feira (31), durante o Tá na Área, programa vespertino do Sportv.

    De São Paulo, o apresentador Alexandre Oliveira chamou Monique Cardone, do portal Globoesporte.com, para uma participação com as notícias dos clubes do Rio.

    Após o noticiário, o experiente Alexandre se despediu dizendo que a presença de Monique tinha “enfeitado” o programa e que ele deveria participar mais vezes para não deixar a apresentadora no Rio, Bárbara Coelho, como “a única rainha” do programa. Resultado: as duas de sorriso amarelo, constrangidas, como se estivessem lá apenas pela beleza.

    Bárbara ainda tentou manter o rebolado e fez uma ceninha de ciúme em tom de brincadeira, mas poderíamos, todos, ter passado sem essa.

    Leia mais »from Mulher é "enfeite", diz apresentador do Sportv
  • Sempre a lei de Gil

    image

    E é sempre um Gil que dá o tom de diversão e espontaneidade para as jornadas esportivas.

    Dessa vez, no entanto, foi o Gil do Corinthians. Não, não aquele. O atual zagueiro, que admitiu ao vivo que o golaço marcado foi uma “cagada”.

  • Divã do amor

    O atacante do Corinthians, Wagner Love, assumiu no programa Bola da Vez, da ESPN Brasil, que “quem quer, dribla e faz”, quando o assunto é mulher na concentração. Mas e os seguranças, perguntaram os participantes da mesa? “Ah, esses são parceiros, né?”

    O jogador também falou sobre a origem do apelido “love”. “Milton Neves e Flavio Prado ficavam falando na rádio sobre artilheiro do amor, etc. Até que chegaram no Wagner Love, que eu não queria assumir porque veio de uma besteira que eu fiz e todo mundo descobriu. Mas depois de um tempo, acabei assumindo, assinando e tudo mais”.

    (A besteira: ainda uma promessa na base do Palmeiras, Wagner levou uma garota para a concentração e foi apelidado de “atacante do amor” por seu primeiro técnico).

    Ele contou que vivia pedindo aumento para o ex-presidente do Palmeiras, Mustafá Contursi, que sempre o negava. O dirigente o ajudou a comprar a casa para a mãe do jogador, “em frente ao campo do Bangu”, segundo ele - mas nada de reajuste salarial. Depois de

    Leia mais »from Divã do amor
  • image

    Fox Sports e Sportv disputam na noite dessa quarta-feira (29) a audiência dos amantes do futebol internacional na programação. Mesmo com a eliminação do Internacional, na semana passada, 

    Os dois canais exibirão, ao vivo, às 22h, o confronto entre Tigres-MEX e River Plate-ARG, válido pela primeira partida da final da Copa Bridgestone Libertadores, no estádio Universitário De Monterrey, no México.

    O River Plate voltou à decisão do torneio continental após 19 anos, depois de empatar por 1 a 1 com o surpreendente Guaraní (PAR), em Assunção. Já o convidado indigesto Tigres venceu o Internacional por 3 a 1 na última quarta-feira (22) e tornou-se o terceiro mexicano na final da Libertadores, repetindo o que fez Cruz Azul em 2001 e Chivas Guadalajara em 2010. O jogo decisivo, marcado para dia 5 de agosto no Monumental de Nuñez, também será transmitido.

    Nos dois casos, um timaço faz a transmissão: pela Sportv, Milton Leite, Lédio Carmona e Roger Flores comandam. A Fox vai de João Guilherme na

    Leia mais »from Fox Sports e Sportv apostam fichas em Libertadores sem brasileiros
  • Vai, garotinho!

    Conforme o blog adiantou, com exclusividade, o documentário sobre a vida do locutor Osmar Santos vai ao ar hoje, às 20h30, na ESPN Brasil. 

    Nesta terça-feira, aliás, ele completa 65 anos de idade. Um parabéns mais do que justo, que a emissora classificou como um “presente”.

    “Vai garotinho, que a vida é sua” foi realizado pela ESPN Filmes e conta com a participação de amigos, ex-jogadores e personagens que ganharam uma outra vibração na voz empolgante do “entertainer” Osmar.

    Uma reprise do programa especial está marcada para amanhã, dia 29, às 18h.

  • Aquele constrangimento

    image

    Dia de “Bem, Amigos”, a gente já sabe: sempre alguém sai meio sem graça. Já é quase uma tradição.

    Ontem, tudo ficou por conta da rasgação de seda para o atual técnico do Palmeiras, Marcelo Oliveira - que vem fazendo um trabalho excepcional, porém, com apenas nove jogos à frente do time.

    Ficou visível o quanto o treinador ficou sem jeito com tantos elogios, números sobre seu retrospecto positivo no Cruzeiro… Encarou tudo com muita serenidade, aliás, mesmo com o bate-boca sem nenhum sentido entre Casagrande e Marco Antônio Rodrigues, sobre qual a razão do momento de sucesso palmeirense.

    E para coroar o constrangimento, chamam Toquinho, um corintiano assumido, que disse adorar o “inimigo íntimo, que saiu das costelas do time alvinegro”- uma velha lenda, nunca confirmada, de que o rival verde é uma dissidência do Parque São Jorge.

    Para finalizar, a repórter Joanna de Assis foi convidada pelo músico a interpretar junto a ele “O Bêbado e o Equilibrista”. Ao final, Galvão disse: “Tenho a

    Leia mais »from Aquele constrangimento
  • Um Pan impertinente

    A Sportv foi a única emissora por assinatura a transmitir - com um baita esforço, em algumas modalidades, como o handebol - os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá.

    Levou e conectou, do Rio de Janeiro, em alguns casos, especialistas para comentar o desempenho dos brasileiros na competição, considerada por muitos uma prévia dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

    Porém, o excesso de sinceridade de alguns destes convidados causou notórios incômodos, durante as transmissões ao vivo.

    No futebol masculino, o ex-jogador Edinho - que também integra o time fixo de comentaristas da emissora -, fez críticas acintosas e bastante pesadas ao trabalho da comissão técnica que acompanhou a jovem equipe medalha de bronze. Ok, o resultado ficou longe do esperado, mas a “corneta” chegou até ao mundial sub-20. Edinho foi muito criticado nas redes sociais por suas pontuações no ar.

    Do campo para as quadras, Nalbert também foi muito espontâneo ao apontar as últimas conquistas do vôlei masculino

    Leia mais »from Um Pan impertinente
  • Num fim de semana concorrido, repleto de eventos esportivos - fórmula 1, jogos pan-americanos, grand prix de vôlei, rodada do Brasileirão -, muita gente deve ter perdido logo cedo um encontro emocionante.

    O Esporte Espetacular, da TV Globo, promoveu a “reedição” de uma das finais mais inusitadas da história do campeonato nacional de futebol. Bangu e Coritiba foram os protagonistas da final de 1985, que completa 30 anos esta semana. E resgataram os personagens mais emblemáticos daquela noite histórica no Maracanã: Ado e Rafael.

    Um comemorou a primeira e única conquista nacional do clube. O outro até hoje se emociona e carrega o peso de ter perdido um pênalti que mudou o curso da história.

    Vale a pena rever o momento que uniu todas as torcidas do Rio de Janeiro e as entrevistas dos grandes envolvidos, 30 anos depois. Clique aqui.

     

    Leia mais »from Emoção no encontro entre ex-jogadores do Bangu e Coritiba
  • "Eu deveria estar morto"

    Edgar Alencar, repórter da Sportv, marcou um golaço. Escalado para cobrir os Jogos Panamericanos de Toronto, no Canadá, não se esqueceu de um dos maiores personagens esportivos daquele país. 

    E, curiosamente, não por suas conquistas.

    O jamaicano naturalizado canadense Ben Johnson chegou a ser considerado o homem mais rápido do mundo, ao final da década de 80. E teve nas mãos a medalha de ouro mais rápida da história do esporte em Seul, 1988: em apenas 48 horas, foi flagrado no doping, desclassificado, humilhado. Anos depois, de volta às corridas, foi finalmente banido para sempre do atletismo, em novo flagrante.

    “Eu sou o cara que mudou o mundo do atletismo”, ele dizia.

    Para Alencar, ele contou outras versões. “Não uso nada há 28, 29 anos. Limpei meu corpo com ervas, estou em outro padrão de vida. Descobri uma água de aquífero antienvelhecimento. Ela ajuda na circulação, no corpo, pele, cabelo, renova células no corpo. Estou promovendo esse produto que conheci na Itália”.

    Aos 53 anos,

    Leia mais »from "Eu deveria estar morto"
  • A resenha é de quem?

    Um programa de entrevistas e debates com ex-jogadores e grandes personalidades do futebol. Histórias curiosas, engraçadas, descontraídas. O nome disso é “resenha”, certo? 

    Mas qual delas: a da ESPN ou a da Band Sports?

    Sim, a ESPN Brasil estreou este mês o “Resenha ESPN”, apresentado por Rodrigo Rodrigues, que até falou com exclusividade ao TV Esporte Blog antes da estreia. O que pouca gente sabe é que já existe um “Resenha” também na Band Sports, desde 2010 - à época, ancorado por Mauro Beting. Atualmente, o programa é tocado por William Lopes.

    Ambos trazem aos espectadores a mesma proposta. Quase o mesmo formato. Uma coincidência daquelas…

    Fontes dentro da TV Bandeirantes alegam que o programa é antigo, com uma entrevista única. Mas “na concorrente, pode”. 

    Confusões e até uma certa falta de criatividade já são um clichê nas emissoras esportivas por assinatura. A Band Sports, por exemplo, também leva ao ar o “Baita Amigos”, programa de debates esportivos apresentado pelo ex-jogador Neto -

    Leia mais »from A resenha é de quem?