Resumo do 3º dia do Pan: Canoagem fatura 4 medalhas

Blog Romano Olímpico

O dia teve só 2 ouros para o Brasil ,  o que nos fez despencar para 6º no quadro de medalhas. Mas calma, que tem muita competição pela frente. Quem foi muito bem nesta segunda-feira foi a canoagem. Quatro medalhas conquistadas: 1 ouro, 1 prata e 2 bronzes.

Destaques:
Isaquias Queiroz- O fenômeno brasileiro não só confirmou seu favoritismo, faturando o ouro diante do medalhista olímpico Mark Oldershaw, do Canadá na prova de c1 1000m; como formou dupla com Erlon Souza para a prata no C2 1000m. 

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Tiago Camilo- Se tornou tricampeão do Pan, no único ouro do judô brasileiro no dia. Venceu na final dos 90kg seu grande rival de continente, Asley Gonzalez,  de Cuba. Tiago tem uma carreira brilhante com  duas medalhas olímpicas e 1 título mundial.

Giovana Matheus e Ingrid de Oliveira- conquistaram a prata na plataforma sincronizada, deixando para trás as excelentes mexicanas Paola Espinosa e Alejandra Orozco.

Decepções
Victor Penalber - era o favorito nos 81kg e perdeu uma luta bem encaminhada contra o cubano Ivan Silva na semifinal.
—————————————————————
Festival do 4º lugar- Cesar Castro/ Ian Matos no trampolim sincronizado, Caio Souza na final individual masculina da ginástica e Bruno Heck na carabina de 10m do tiro.

Outros resultados

Canoagem- Os bronzes  vieram com a dupla Vagner Souta/ Celso Dias no C2 1000m e com Ana Paula Vergutz no k1 500m. Quem está dominando a modalidade é Cuba,  com 4 ouros em 7 possíveis. 


Ginástica- Aos 15 anos,  Flávia Saraiva conquistou o bronze no individual geral feminino. Ouro para Ellie Black do Canada. Flávia tem boas chances de ouro no solo e na trave.  

Remo- 4 finais nesta segunda. O Brasil só esteve em duas e ficou em último em ambas.

Judô- Elas não eram favoritas ao ouro, mas conquistaram bronze: Mariana Silva nos 63kg e Maria Portela nos 70kg. O judô brasileiro tem até agora 3 ouros e no último dia precisa conquistar mais 3,  para repetir o desempenho de Guadalajara 2011. Complicado.

Badminton- Fim das chances de medalha nas chaves individuais. Daniel Paiola, Ygor Coelho e Lohaynny Vicente foram eliminados por atletas com melhor ranking na quartas de finais . Mas nas duplas,  3 bronzes no mínimo já estão garantidos. Nesta terça as semifinais.

Levantamento de peso- Bruna Piloto na categoria 63kg conquistou o bronze. Aproveitou que a categoria não estava tão disputada e só perdeu para a colombiana Isabel Tigrero e para a cubana Marina Rodrigues. Por 1kg a mais levantado ela não ficou com a prata.

Polo aquático- Brasil bateu a Argentina por 15 a 9 e decide o ouro nesta terça contra os EUA

Medalhas- Apenas 2 ouros ( Isaquias e Tiago) fizeram o Brasil cair para 6º lugar. O México está em 5º,  graças aos 5 ouros nos saltos ornamentais que acabaram. A Colômbia tem 10 ouros,  sendo 5 do levantamento de peso. Cuba já tem 10 ouros, graças a 4 da canoagem. Pelo 3º dia,  o Canadá segue a frente dos EUA.

Leia também