Blog da Redação

Corinthians ignora declarações de árbitro que insinuou esquema de favorecimento

Rafa Santos
Blog da Redação

O presidente do Corinthians, Roberto de Andrada desdenhou das declarações do árbitro  Gutemberg de Paula Fonseca, que na última sexta-feira citou o clube ao acusar  o dirigente da Comissão Nacional de Arbitragem da CBF, Sérgio Correa, de corrupção.

"Ele teria um pouco mais de credibilidade se tivesse falado isso no momento em que ocorreu o caso. Se é um fato recorrente, significa que não acontece só com o Corinthians. Ouvi  falar que ligar para a comissão de arbitragem é coisa normal", comentou o dirigente corintiano para a rádio Jovem Pan neste sábado.

Na última sexta-feira (também para a Rádio Jovem Pan), o árbitro que perdeu o escudo da Fifa disse que o presidente da comissão de arbitragem  é 'mentiroso, mariquinha e corrupto'. Como exemplo, citou um jogo do Campeonato Brasileiro-2010 entre Corinthians e Goiás, no Pacaembu. Na ocasião o time paulista disputava a liderança do torneio daquele ano.

"Em 2010, ele me colocou no jogo em que o Corinthians ganhou por 5 a 1 do Goiás. Antes, me ligou e disse 'é jogo do Timão, hein?' O que eu posso entender com isso? Que se o Corinthians não ganha, eu posso nunca mais ser escalado", disse o árbitro.

O presidente do Corinthians, Roberto de Andrade declarou que o clube não vai tomar nenhuma atitude contra o árbitro. "Ele falou isso porque se falar que foi em um jogo do Jabaquara contra o Taubaté não tem peso. Por isso citou o Corinthians", minimizou o mandatário.

Exibir comentários (311)
  • Ronaldinho entra no fim, marca dois e é aplaudido por torcida rival no México

    Aos 35 anos, Ronaldinho Gaúcho continua protagonizando cenas memoráveis no futebol. Na noite deste sábado, o brasileiro saiu do banco do Querétaro-MEX aos 39 minutos do segundo tempo para marcar dois gols e contribuir para a goleada do time, por 4 a 0, sobre o rival América-MEX. Além dos tentos em apenas oito minutos jogando, seu grande feito foi arrancar aplausos da torcida adversária no Estádio Azteca, na capital mexicana. Mais »

    Gazeta Press - 5 horas atrás
  • Em casa, Corinthians atropela campeão Brasil Kirin: 6 a 1

    O encontro entre Corinthians e Brasil Kirin pode ser visto como um clássico da Liga Futsal, mas o que se viu em quadra neste sábado foi um massacre. No ginásio do Parque São Jorge, o Timão não tomou conhecimento do atual campeão nacional e goleou por 6 a 1. Mais »

    Gazeta Press - 5 horas atrás
  • René Simões exalta classificação e avisa: "O melhor está por vir"

    Líder da primeira fase do Campeonato Carioca, o Botafogo precisou suar muito para superar o Fluminense nos pênaltis e avançar à final da competição. A equipe das Laranjeiras havia vencido o primeiro jogo por 2 a 1 no Maracanã, resultado que foi devolvido pelo esquadrão alvinegro no Engenhão, neste sábado. Questionado na entrevista coletiva qual seria o nome do filme da dramática classificação botafoguense, o treinador René Simões definiu o time como "faminto e apressado" e projetou que "o melhor está por vir" no Estadual. Mais »

    Gazeta Press - 5 horas atrás
  • Enderson critica planejamento do clube, mas se responsabiliza por revés

    Em uma noite em que tudo deu errado para o Atlético Paranaense, que perdeu para o Rio Branco por 3 a 1, no Torneio da Morte do Campeonato Paranaense 2015, pouca coisa pode ser aproveitada pelo Rubro-Negro, a não ser mais lições a se aprender. O técnico Enderson Moreira deu todos os méritos ao adversário, mas foi crítico à atuação de sua equipe, que praticamente não levou perigo ao gol adversário durante 90 minutos e tomou pressão por todo o primeiro tempo. Mais »

    Gazeta Press - 6 horas atrás
  • Após tropeço do Furacão, Weverton diz: "Estamos tristes e envergonhados"

    O torcedor do Atlético Paranaense foi à Arena da Baixada para assistir ao fim da agonia do time na luta contra o rebaixamento do Campeonato Paranaense 2015, mas voltou para a casa novamente com a cabeça inchada. Derrota por 3 a 1 para o Rio Branco de Paranaguá, que mantém o Torneio da Morte aberto e escancara mais uma vez os problemas do Furacão. O goleiro Weverton admite o desconforto do grupo, mas quer esquecer o tropeço e já pensar no Prudentópolis, próximo desafio no Torneio da Morte. Mais »

    Gazeta Press - 6 horas atrás