Blog do Vitor Sergio

Mundial de Clubes: Conheça o Auckland City

Vitor Sergio Rodrigues
Blog do Vitor Sergio

Falta menos de uma semana para o início do Mundial de Clubes da Fifa, competição que fecha o 2012 do futebol mundial, no Japão. Na quinta-feira que vem, às 8h15 (horário de Brasília), Auckland City (campeão da Oceania) e Sanfrecce Hiroshima (representante da casa, como atual campeão japonês) abrem o torneio, que de novo terá muita atenção no Brasil, com um clube nacional na briga pelo terceiro ano seguido, agora o Corinthians.

Exibir galeria

.

Auckland vai ao Mundial da Fifa pela quarta vez

Para entrar no clima, o Blog do Vitor Sergio vai trazer um resumo de cada um dos sete times da competição, começando com o Auckland City, da Nova Zelândia. Mesmo tendo sido fundado em 2004, o Auckland City não teve problema para dominar o cenário do futebol na Oceania (muito em virtude de os clubes da Austrália irem jogar a Liga dos Campeões da Ásia). Desde então são quatro títulos da Nova Zelândia e quatro títulos da Liga dos Campeões da Oceania, torneio em que é o atual bicampeão.

Essa supremacia faz com que o Auckland City chegue ao Mundial pela terceira vez nos últimos quatro anos. A equipe que estará em campo para enfrentar o Sanfrecce Hiroshima é muito parecida com a que no ano passado perdeu para o Kashiwa Reysol também no primeiro jogo. O técnico é o mesmo, o espanhol Ramon Tribulietx, e a base do time foi mantida (do time titular só dois jogadores saíram). A expectativa é que é diferente. Todos querem repetir o desempenho de 2009, quando passaram pelo time da casa, o Al Ahli, dos Emirados Árabes, perderam para o Atlante, do México, mas derrotaram o Mazembe (aquele!) por 3 a 2 na disputa do quinto lugar.

Ponto forte: O conjunto. É um time que joga junto há muito tempo e vem conseguindo evoluir. Se não levar gol logo no início, pode complicar o Sanfrecce Hiroshima por isso.

Ponto fraco: Qualidade individual. O Auckland City, que joga em uma liga semi-profissional, sente falta de jogadores com mais qualidade para desequilibrar um jogo.

Fique de olho: Manel Exposito. Espanhol, que joga pela meia-esquerda, foi autor de seis dos 12 gols do Auckland no título continental. Foi da base do Barça e estreou no time principal no mesmo jogo que Messi.

Exibir galeria

.
Time-base: Normalmente joga em um 4-2-3-1. Mas no último Mundial Tribulietx mudou um pouco a formação tática, optando por um 4-1-4-1 para ter um jogador à frente da área. Deve repetir essa estratégia. A chave do time é o trio de espanhóis Pedro, Riera e Exposito no meio. O zagueiro e capitão Ivan Vicelich é o líder do time.

Trajetória: Chegou ao Mundial ganhando o título da Liga dos Campeões da Ásia. Bateu o Tefana, do Taiti, vencendo os dois jogos da decisão: 2 a 1 em casa e 1 a 0 jogando fora.

Caminho para o título: pega o Sanfrecce no jogo qualificatório. Se vencer, enfrentar o Al-Ahly, do Egito. Passando, seria o rival do Corinthians na semifinal.

Exibir comentários (1)
  • Preocupado com zika, Comitê Olímpico dos EUA contrata infectologistas

    Nesta sexta-feira, o Comitê Olímpico dos Estados Unidos enviou uma carta em nome de seu CEO, Scott Blackmun, a todos os potenciais atletas a representarem o país nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Nela, o dirigente anuncia a contratação de dois infectologistas para estudarem a epidemia do vírus zika no Brasil, o que vem preocupando grande parte da delegação do país. Mais »

    Gazeta Press - 10 minutos atrás
  • São Paulo adota cautela após declaração de Bauza sobre zagueiro

    O diretor executivo de futebol do São Paulo, Gustavo Vieira de Oliveira, pregou cautela nessa quinta-feira ao comentar sobre a contratação de um zagueiro argentino de nome não revelado. O dirigente tricolor resolveu se pronunciar sobre a negociação após o técnico Edgardo Bauza dizer que o clube anunciaria um novo reforço em até 48 horas. Segundo Oliveira, as conversas sobre o jogador ainda não passam de "possibilidades". Mais »

    Gazeta Press - 15 minutos atrás
  • Juan foca em clássico contra o Vasco e lamenta falta do Maracanã

    Após início de temporada com tropeços, o Flamengo embalou e vai para o clássico contra o Vasco, no domingo, em São Januário, com a moral elevada. A goleada por 5 a 0 sobre a Portuguesa-RJ, aliada com as boas atuações, dão confiança para os rubro-negros emplacarem uma sequência positiva no Campeonato Carioca. O zagueiro Juan destacou que os cruzmaltinos são os maiores rivais dos flamenguistas e lamentou que a partida não será jogada no Maracanã. Mais »

    Gazeta Press - 32 minutos atrás
  • O que esperar de Zé Roberto no Palmeiras até o final do ano?

    O que esperar de Zé Roberto no Palmeiras até o final do ano?

    Experiente jogador anunciou nesta quinta-feira que irá 'pendurar as chuteiras' no fim da temporada Mais »

    Goal.com - 34 minutos atrás
  • Após vitória no Pernambucano, Falcão prioriza jogar pelas laterais

    Depois de duas derrotas seguidas, o Sport finalmente venceu a primeira no Campeonato Pernambucano com dois gols de cabeça sobre o Central. O técnico Falcão fez questão de valorizar a opção de jogar pelas laterais e dizer que é a melhor maneira de atuar contra times fechados. Mais »

    Gazeta Press - 44 minutos atrás