Blog do André Henning

O agradecimento de Tite à torcida corintiana

André Henning
Blog André Henning

O gesto foi marcante. Todos os noticiários esportivos do dia seguinte deram destaque à festa da torcida corintiana ao término do jogo contra o Boca. Ainda enraivecida com a arbitragem do paraguaio Carlos Amarilla (e não vem aqui ao caso discutir se estava mal intencionado ou não), a fiel torcida esqueceu a eliminação da Libertadores e reverenciou seus ídolos. Um time que, até aquele instante, havia vencido tudo o que tinha disputado – Brasileirão, a mesma Libertadores, Mundial. A derrota era apenas um detalhe do futebol.

Os jogadores, a caminho do vestiário, diminuíram o ritmo das passadas. Pareciam não entender o que estava acontecendo. Que grito era aquele que vinha das arquibancadas? Era mesmo a torcida cantando, a plenos pulmões, o hino do clube? Aquela mesma torcida que, vira e mexe, cobra, invade treinos, tentar bater em jogadores?? Não, era mais que isso. Era o sócio das organizadas também, mas acima deles era o torcedor comum agradecendo a luta em campo. Emocionado pelo que tinha visto em campo, por tudo o que tinha vivido nos últimos meses.

Entre os programas do dia seguinte, no meio de tantas matérias e depoimentos, uma se destacou – a de Joseval Peixoto, âncora do SBT Brasil. Como dá pra ver no vídeo abaixo, Joseval abriu o coração e rendeu sua homenagem à torcida. O treinador do Corinthians, Tite, em casa viu e se emocionou. E resolveu levar para o grupo. O vídeo foi mostrado na palestra tradicional de antes das partidas. A vitoria contra o Santos seria um prêmio de consolação para a torcida, os jogadores deviam esse caneco a quem os apoiou.

Ao término do jogo na Vila, quando encontrou o repórter Rodrigo Vianna, do mesmo SBT, Tite pediu que enviasse um recado agradecendo Joseval pelas palavras da quinta-feira. Rodrigo, faro apurado, sugeriu que ele mesmo o fizesse, que gravasse seu depoimento em frente à câmera. E assim foi feito. Tite, publicamente, agradeceu o comentário e, principalmente, o gesto do torcedor.

Nem ele, Tite, soube dimensionar o tamanho daquele gesto da torcida pós-Boca. Foi só depois, quando viu a repercussão, que entendeu que aquele poderia ser um momento diferente – o instante em que o torcedor carrega o time, e não o contrário como geralmente acontece. O exato instante em que a torcida do Corinthians conquistava, junto com o time, o vigésimo sétimo título paulista que só viria quatro dias depois em Santos. O título do time que tem Paulista até no nome.

Exibir comentários (7)
Os sites do Yahoo Esportes e do Esporte Interativo agora estão separados. Por favor, escolha qual deseja acessar:
  • Aos 49 anos, Muller marca o primeiro gol da quarta divisão paulista

    Poucos acreditavam que o veterano atacante Muller, com 49 anos, tivesse condições de atuar na quarta divisão do futebol paulista - a popular Bezinha - pelo Fernandópolis. Porém, o campeão mundial pela Seleção Brasileira em 1994 não apenas entrou em campo, como foi o responsável por marcar o primeiro gol da competição, inaugurada nesta sexta-feira com duas partidas. Mais »

    Gazeta Press - 1 hora 34 minutos atrás
  • Mineirinho é derrotado e vai à repescagem em Margaret River

    Único brasileiro ainda disputando a terceira etapa do Circuito Mundial de Surfe (WCT), Adriano de Souza, o Mineirinho, não conseguiu avançar às quartas de final na noite desta sexta-feira. Ele somou 12.30 e foi derrotado pelo australiano Taj Burrow, que obteve 16.17, e, como a bateria não era eliminatória, caiu na repescagem ao lado de Julian Wilson (12.43). Mais »

    Gazeta Press - 1 hora 37 minutos atrás
  • Bruno Henrique pega 12 jogos de suspensão; zagueiro Fred é anunciado

    O Goiás perdeu uma importante peça para o duelo contra o Goianésia, que vale vaga na decisão do Campeonato Estadual de 2015. O atacante Bruno Henrique foi julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva nesta sexta-feira e acabou punido com 12 jogos de suspensão. O lance que culminou no pesado gancho ocorreu no dia 25 de março, no empate com a Aparecidense (1 a 1), na Serrinha. O dianteiro ajeitou a bola com a mão antes de anotar o tento, validado pelo árbitro André Luiz de Freitas Castro. Mais »

    Gazeta Press - 2 horas 4 minutos atrás
  • Macaé fecha série sobre o Minas e consegue vaga inédita nas quartas

    O Macaé vai às quartas de final do NBB 7, feito inédito em sua história. Nesta sexta-feira, a equipe carioca bateu o Minas Tênis Clube por 92 a 86 no Ginásio Juquinha, em Macaé (RJ), e garantiu a classificação. Após perder a primeira partida da série melhor de cinco, o time conseguiu fazer sequência de três vitórias seguidas para virar o confronto e fechá-lo no quarto duelo (por 3 a 1), avançando para enfrentar o Mogi das Cruzes na próxima fase. Mais »

    Gazeta Press - 2 horas 5 minutos atrás
  • Com Dino Sani, Tricolor inicia série de homenagens aos campeões mundiais

    Nesta sexta-feira, o São Paulo deu início à série de homenagens aos ex-atletas tricolores que foram campeões mundiais pela Seleção Brasileira. O escolhido para a cerimônia inaugural foi o volante Dino Sani, que participou da conquista histórica de 1958, na Suécia. O jogador, que também brilhou com as camisas de Boca Juniors-ARG e Milan-ITA, participou de um almoço com o presidente Carlos Miguel Aidar, que lhe rasgou elogios. Mais »

    Gazeta Press - 3 horas atrás