• image jpg 2956-123

  • image

    Meia de 30 anos é um dos astros do Junior Barranquilla (Divulgação)

    Juan Carlos Osorio ainda não é o novo técnico do São Paulo, mas já tem indicado até reforços. O primeiro nome sugerido pelo colombiano ao presidente Carlos Miguel Aidar foi o do meia Macnelly Torres, sonho antigo de diversos clubes brasileiros. 

    Osorio explicou a Aidar que tem excelente relacionamento com Macnelly depois dos dois anos em que eles trabalharam juntos no Atlético Nacional, de 2012 a 2013. O meia, de 30 anos, foi tão bem que acabou convocado para a seleção colombiana e teve papel importante na classificação para a Copa do Mundo do Brasil.

    Macnelly acabou vendido para o Al-Shabab, da Arábia Saudita, em 2013, mas voltou no início desta temporada à Colômbia. Ele defende o Junior Barranquilla, um dos times que disputam as quartas de final do campeonato nacional. Osorio, inclusive, pretende se encontrar com o meia no domingo, após o jogo do Barranquilla em Medellín, para falar sobre o interesse do Tricolor.

    O Blog

    Saiba mais »de Técnico colombiano quer levar Macnelly Torres para o São Paulo
  • O zagueiro David Luiz é um dos mais famosos representantes do ministério “Eu escolhi esperar”cujo principal objetivo é incentivar jovens a adiar a vida sexual até o casamento. David Luiz foi recentemente batizado pelo pastor Nelson Júnior  e foi notícia em todo o mundo.

    “Eu apoio o ministério do pastor Nelson (Eu Escolhi Esperar) porque se eu hoje pudesse fazer diferente, teria escolhido esperar até o casamento. Acho que é a melhor decisão que os jovens podem tomar e se eu puder dar um conselho seria esse. Acredito realmente que pode fazer a diferença nas novas gerações”, disse David Luiz ao site Globo.Esporte.com

    Segundo ele,  se pudesse fazer diferente teria escolhido esperar até o casamento.  Em entrevista ao programa “Encontro” de Fátima Bernardes, o pastor Nelson Júnior explicou a origem do movimento.

    "Comecei esse movimento baseado na história da minha vida. Fiz essa escolha aos 12 anos. É difícil para o adolescente dizer não. Por ter vivido isso, como jovem, vivi esse dilema. Não

    Saiba mais »de David Luiz se arrepende de ter perdido a virgindade
  • image

    Gramado do Canindé terá de passar por reforma (Djalma Vassão/Gazeta Press)

    Preocupados com a crise financeira da Portuguesa, torcedores criaram um mutirão para ajudar. A primeira iniciativa foi arrecadar dinheiro para reformas no Canindé, abandonado pela falta de receita - recentemente, a água foi cortada no clube, causando estragos no campo.

    As doações já garantiram R$ 8.995,11 em dinheiro e aproximadamente R$ 4 mil em material. De acordo com os responsáveis pelo movimento, 41 pessoas participaram do movimento, que já garantiu dinheiro e materiais suficientes para arrumar o gramado e outras adequações solicitadas pela PM em seu laudo de segurança.

    O próximo passo é criar um crowdfunding em julho, a fim de arrecadar R$ 300 mil. O dinheiro será utilizado para quitar um mês da folha de pagamento do clube, assegurando um respiro à diretoria, em dificuldade para encontrar receitas. “Também estamos pedindo aos torcedores irem aos jogos e aderirem ao sócio-torcedor, que será lançado na semana

    Saiba mais »de Torcida da Lusa doa dinheiro para obras no Canindé e para bancar salários do elenco
  • Teliana Pereira e Beatriz Haddad Maia tiveram destinos opostos no qualifying de Roland Garros nesta sexta-feira. A número 1 do Brasil venceu sua terceira partida, furou o quali e ganhou o direito de disputar a chave principal pela segunda vez na carreira. Já Bia, prestes a completar 19 anos, foi derrotada na terceira rodada do quali e foi eliminada da competição.

    Cabeça de chave número 1 do qualifying, Teliana levou um susto diante da espanhola Laura Pous-Tio, atual 205ª colocada do ranking. Ela perdeu o primeiro set, mas reagiu de forma fulminante ao empatar o duelo com um "pneu". A número 77 do mundo acabou fechando o jogo pelo placar de 3/6, 6/0 e 7/5.

    Com as três vitórias, Teliana supera a campanha no Aberto da Austrália. No primeiro Grand Slam do ano, a brasileira fora derrotada na segunda rodada do quali. Em Paris, ela garantiu vaga na chave principal, repetindo o feito do ano passado - em 2014, ela entrou direto, por apresentar melhor ranqueamento.

    Agora a número 1 do Brasil vai

    Saiba mais »de Teliana vence de virada e fura quali de Roland Garros; Bia cai
  • É claro que ainda é cedo, faltam mais de seis meses até lá. Mas há motivos para crer que um brasileiro tem boas chances de disputar a final do Mundial de Clubes da FIFA após as partidas de ida pelas quartas-de-final da Taça Libertadores. Inter e Cruzeiro estão perto das semifinais em um torneio no qual já são as melhores equipes que restaram. Não é tudo, mas pesa.

    É ainda melhor do que isso, na verdade. A lógica para um brasileiro no mundial é a seguinte: se Inter e Cruzeiro forem às semis, enfrentarão um ao outro por uma vaga na final. Do outro lado da chave, em uma final no qual não há critério de gol fora, podem estar Tigres (MEX), Emelec (EQU), Racing (ARG) e Guarany (PAR). Por terem melhor campanha na primeira fase, os brasileiros receberiam a finalíssima em quase todos os cenários.

    O Tigres, apesar de ter a segunda melhor campanha na fase de classificação, não pode jogar a finalíssima em seu estádio porque a decisão tem de ser na América do Sul, segundo a Conmebol. Além disso, os

    Saiba mais »de Inter e Cruzeiro estão mais perto da final do Mundial da FIFA
  • image

    Todos os jogos de ida pelas quartas de final da Libertadores terminaram da mesma maneira nesta semana, com placar de 1 a 0. Mas só o Cruzeiro realizou o feito de vencer como visitante. Foi um grande passo dado pelo time de Marcelo Oliveira para superar a barreira do ano passado, quando foi eliminado pelo San Lorenzo nesta mesma fase. E o sinal claro de que o time cresceu quando foi preciso.

    A vitória do Cruzeiro sobre o River Plate no Monumental de Núñez, histórico salão de festas estrelado, passou por algumas pequenas redenções pessoais, muito próprias do futebol.

    Leandro Damião, chamado de “pangaré” até pouco tempo e dado como fracassado na carreira, não fez gol, mas brigou como sempre. No primeiro lance da partida, deu um carrinho com o corpo inteiro em um jogador do River Plate, que mostrou que o Cruzeiro não se intimidaria por jogar na casa do adversário. E continuou brigando até conseguir atrapalhar a zaga argentina e a bola sobrar para Gabriel Xavier dar o passe para o gol de

    Saiba mais »de Cruzeiro cresce na hora decisiva
  • O brasileiro Thomaz Bellucci está na final do ATP de Genebra. Na manhã desta sexta-feira, o brasileiro teve tranquilidade para vencer o colombiano Santiago Girald, 67º do ranking, por 2 sets a 0, com 6/3 e 6/4, em apenas 1h12 de confronto. O triunfo também deixa o paulista de Tietê vantagem no retrospecto com o vizinho sul-americano: foi o sétimo confronto entre os dois e a quarta vitória de Bellucci, número 60 do mundo.

    Agora, o melhor tenista do País aguarda o duelo entre o argentino Federico Delbonis e o português João Sousa, xará de Feijão, para conhecer seu adversário na decisão. Bellucci busca um título para quebrar o jejum de quase três anos. A última vez que levantou o troféu foi na Suíça em 2012, no ATP 250 de Gstaad.

    Os dois tenistas confirmaram seus dois primeiros serviços e Bellucci só conseguiu a primeira quebra no quinto game, depois de desperdiçar um break-point. O brasileiro ainda viu Giraldo salvar um set-point antes de conseguir nova quebra e fechar a parcial em 6/3

    Saiba mais »de Bellucci despacha colombiano e decide título no saibro de Genebra
  • Os torcedores do Fluminense não se conformam.

    O pessimismo, talvez exagerado de alguns, chega ao ponto de cravar o time como um dos rebaixados no fim do brasileiro.

    A saída de Ricardo Drubscky era mesmo questão de tempo. Acontece que ele durou muito menos do que os 6 meses que normalmente servem de padrão no clube.

    Foi e não deixa saudades.

    A forma como os jogadores do Fluminense se comportaram diante do Atlético-MG foi vergonhosa. Time passivo e que se entregou com muita facilidade.

    Tem gente que afirma categoricamente que Ricardo Drubscky foi derrubado. Não duvido.

    Se o elenco é rigorosamente o mesmo da disputa do estadual e do início do brasileiro, não sei ao certo o que Enderson Moreira poderá fazer de diferente.

    Alías, será que os dirigentes saberiam explicar a diferença do trabalho realizado entre Cristóvão Borges e Ricardo Drubscky ?

    Fica evidente que Cristóvão não era o único culpado. Ricardo Drubscky idem.

    É muito mais fácil, prática antiga e eficaz, dar uma satisfação ao torcedor

    Saiba mais »de Enderson Moreira tem prazo de validade no Fluminense
  • Durante a vitória do Cruzeiro contra o River Plate por 1 a 0, na Argentina, uma jogada de Emanuel Mammana chamou a atenção. No primeiro tempo da partida, o zagueiro de 19 anos precisou recuperar uma bola contra Willian e mostrou uma habilidade fora dos padrões.

    Quando o atacante do Cruzeiro deu o carrinho Mammana deu um leve toque por cima e saiu jogando tranquilamente. Assista ao lance.

Os sites do Yahoo Esportes e do Esporte Interativo agora estão separados. Por favor, escolha qual deseja acessar: