Bia Haddad Maia perde batalha de 3h14 nas quartas de final em Tóquio

(PHILIP FONG / AFP)


Beatriz Haddad Maia, número 18 do mundo, ficou a dois pontos da vitória na madrugada desta sexta-feira no WTA 500 de Tóquio, no Japão, mas acabou eliminada após longa batalha de 3h14min contra a russa Veronika Kudermetova por 2 sets a 1 - parciais de 6/7 (7/4) 7/6 (8/6) 6/1.

A vitória valia o melhor ranking da carreira para a brasileira, que agora vai igualar o melhor desempenho com o 15º posto. Já Kudermetova, número 13 no ranking, atingiu sua 9ª quartas de final do ano, sendo a tenista com o melhor número neste quesito em 2022.

+ Veja as últimas notícias no mundo do tênis


Na partida, a russa conseguiu 45 winners e 15 break-points, quebrando por seis vezes o serviço da paulistana, que agora segue para o WTA 250 de Tallin, na Estônia.

Nesta temporada, Bia Haddad Maia chegou em três finais, saindo vencedora duas vezes (WTA 250 de Birmingham e WTA 250 de Nottingham). A única derrota aconteceu no WTA 1000 de Montreal para Simona Halep, ex-número 1 do mundo.