Bia Haddad atropela croata, vence pela primeira vez na carreira no US Open e avança à segunda rodada

Elsa / AFP


Beatriz Haddad Maia venceu, nesta segunda-feira, pela primeira vez na carreira uma partida de US Open. A número 15 do mundo atropelou a croata Anna Konjuh, 117ª colocada, na 1ª rodada, com um duplo 6/0, na quadra 4 do complexo do Billie Jean King Tennis Center, em Nova York. O jogo durou 59 minutos. Bia só havia jogado a chave principal do torneio em 2017 quando caiu na estreia. Nos demais havia perdido no quali em 2016, 2018 e 2021.

>>> Brasileiros colecionam medalhas em semana recheada de eventos esportivos

Esta é apenas a sexta vitória da brasileira em um torneio de Grand Slam, onde faz sua décima participação. Ela agora tentará quebrar uma barreira pessoal: a de nunca ter avançado à 3ª rodada. Para tal terá que passar pela campeã de 2019, a canadense Bianca Andreescu, atual 48ª colocada, que derrotou em três sets a francesa Harmony Tan por 6/0, 3/6, 6/1.

O JOGO
A partida começou com Bia quebrando o saque da croata ao trabalhar bem com devoluções de backhand e buscando jogar mais dentro de quadra. Errática, Konjuh teve muitas dificuldades para devolver o saque da brasileira, que rapidamente abriu 5/0 e apenas sacando para a parcial, falou com primeiro serviço e precisou salvar dois breakpoints para confirmar o pneu.

Arriscando mudar para saque mais colocados, Konjuh tentou soluções para as boas devoluções da brasileira e passou a vender mais caro os pontos, exigindo que Bia Haddad Maia trabalhasse firme da linha de base. A croata não conseguiu confirmar seus games de saque, mas pressionou até forçar a brasileira a salvar dois breakpoints no 8º game, mas viu Bia fazer 5/0, salvar novo breakpoint sacando pro jogo e se garantir na 2ª rodada com novo pneu e configurando a bicicleta.