Bia Haddad Maia vai às quartas após abandono de Osaka em Tóquio

(PHILIP FONG / AFP)


Beatriz Haddad Maia, número 18 do mundo, alcançou, nesta quinta-feira, as quartas de final do WTA 500 de Tóquio, no Japão, torneio sobre o piso duro com premiação de US$ 757 mil.

A brasileira nem precisou entrar em quadra nesta manhã, fim de tarde no horário japonês. Naomi Osaka, ex-número 1 do mundo e atual 48ª, sentiu problemas em decorrência de uma virose além de dores abdominais e não entrou em quadra.

"Lamento por não ser capaz de competir hoje. É uma honra poder jogar em Tóquio em frente aos meus fãs incríveis. Esse é e sempre será um torneio importante para mim e desejaria ter jogado hoje, mas meu corpo não deixou", çamentou Osaka.

Bia enfrentará a russa Veronika Kudermetova, 13ª colocada, que marcou 6/0 6/1 na mexicana Fernanda Contreras. O duelo será inédito.

A campanha vai colocando a brasileira de volta no top 15 com a 15ª posição. Caso ela avance à semi terá o melhor ranking com o 14º posto. Se fizer final vai ultrapassar a própria Kudermetova e será a 13ª.