Benjamin Mendy é absolvido de uma das acusações de estupro

Benjamin Mendy foi absolvido de uma das acusações pelas quais estava sendo julgado. Foto: Paul Ellis/AFP via Getty Images
Benjamin Mendy foi absolvido de uma das acusações pelas quais estava sendo julgado. Foto: Paul Ellis/AFP via Getty Images

Benjamin Mendy, jogador do Manchester City acusado de oito estupros, uma agressão sexual e uma tentativa de estupro, foi absolvido de uma das acusações pelas quais estava sendo julgado pelo Tribunal da Coroa em Chester, na Inglaterra.

Durante o julgamento, o júri viu um vídeo sexual em que uma das supostas vítimas, que afirmou em seu depoimento à polícia que havia sido estuprada, fez "sexo consensual e entusiasmado" com Louis Saha Matturie, amigo e cúmplice de Mendy.

Leia também:

Após a exibição do vídeo, e depois que a promotoria não conseguiu apresentar mais provas incriminatórias, Mendy foi absolvido de uma acusação de estupro e Louis Saha Matturie de duas acusações de estupro e uma de agressão sexual.

Louis Saha Matturie chorou muito quando o chefe do júri do Chester Crown Court retornou o veredito de inocente.

Apesar de ter sido declarado inocente da acusação em questão, Mendy ainda enfrenta sete acusações de estupro, uma acusação de tentativa de estupro e uma acusação de agressão sexual contra seis mulheres jovens.

A pena que Benjamin Mendy pode enfrentar pode variar entre 5 e 20 anos de prisão, embora ele possa enfrentar uma possível sentença de prisão perpétua.

Em maio deste ano, Mendy se declarou inocente das nove acusações de crimes sexuais contra ele. O jogador e seu amigo tiveram o pedido de fiança negado em diversas oportunidades pela justiça britânica.

O lateral do Manchester City foi preso no fim de agosto de 2021 e teve seu contrato com a equipe da Premier League suspenso.