Autor do gol da vitória, Mosquito destaca importância de semana cheia para trabalhar no Corinthians


Autor do gol da vitória do Corinthians sobre o Red Bull Bragantino, pela 24ª rodada do Brasileirão, Gustavo Mosquito destacou a importância do tempo que a equipe vai ter nos próximos dias para focar nos treinamentos.

GALERIA - Cássio e Mosquito se destacam na vitória do Timão; veja notas

Nos próximos 16 dias, o Timão terá apenas três compromissos, contra Internacional e São Paulo, no Brasileirão, e o confronto de volta contra o Fluminense, na semifinal da Copa do Brasil.

- A chance de levar o título da Copa do Brasil está melhor, mas vai ser importante essas semanas para treinar, trabalhar. Vamos ter um tempo a mais com a família, trabalhar tranquilamente, sem as loucuras de viagens, concentração. Vai ser bom para acertar os detalhes e buscar as vitórias - iniciou o camisa 19 na zona mista.

Um dos detalhes citados pelo atacante diz respeito as chances desperdiçadas pelo clube. No segundo tempo, Yuri Alberto e Du Queiroz tiveram oportunidades claras para ampliar a vantagem, mas não foram felizes nas finalizações.

- A gente se cobra bastante. Temos que melhorar a tomada de decisão. Essas semanas vão ser importantes para trabalhar e ajustar esses erros que temos que acertar. Às vezes falta isso, fazer um gol, continuar pressionando, matar o jogo. O Bragantino é uma grande equipe. Sofremos um pouco, e esse sofrimento é desnecessário, mas fomos felizes - ponderou.

TABELA - Timão tem chance de título brasileiro? Simule o Brasileirão

Gustavo Mosquito - Corinthians x Bragantino
Gustavo Mosquito - Corinthians x Bragantino

Mosquito celebrando o gol contra o Bragantino (Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

CONFIANÇA

Nos primeiros minutos do jogo, Mosquito recebeu um lançamento no lado direito, acabou se atrapalhando no domínio e saiu com bola pela linha lateral. Ele falou que o lance tirou um pouco de sua confiança, mas manteve a tranquilidade para não se desesperar durante o jogo.

- Aquela bola me tirou a confiança, estava bem até então. Perdi a confiança, mas glória a Deus que a bola sobrou ali, e pude fazer o gol. A gente sempre tem a cabeça boa, às vezes em um jogo, a gente está bem e pode errar, como estar mal e acertar, como aconteceu comigo - declaro Mosquito, que voltou a marcar após quase um mês.

SITUAÇÃO FÍSICA

Mosquito também fez questão de tranquilizar a torcida sobre uma possível lesão, tendo em vista que o atleta terminou a partida colocando a mão na coxa.

- Tranquilo, só senti um pouco a coxa esquerda, mas está tudo bem. Estava bem cansado, desgastado porque tinha que acompanhar o lateral do Bragantino - concluiu Mosquito na zona mista.