Atleta do Tênis na Lagoa vai às quartas no Brasileirão

Luiz Candido / Luz Press


O Campeonato Brasileiro Infantojuvenil, o Brasileirão, chegou às quartas de final da chave GA, nesta segunda-feira, no Praia Clube, em Uberlândia, nas categorias 12, 14, 16 e 18 anos e mais o Tennis Kids (8, 9, 10 e 11 anos). A programação prossegue nesta terça-feira, a partir das 8h.

Nos 16 anos masculino, um dos confrontos das oitavas de final reuniu dois tenistas de projetos sociais: o gaúcho Frederico Moraes e o carioca Antônio Monteiro, que levou melhor e avançou na chave ao vencer de virada por 3/6 6/1 6/2.


Monteiro faz parte do projeto Tênis na Lagoa, criado há 18 anos no Rio de Janeiro. A participação no Brasileirão tem um significado especial para ele, que ficou seis meses afastado das quadras por uma fissura na coluna. “Foi um momento muito difícil em que eu não podia fazer nada. Esse é o primeiro torneio nacional que jogo depois da lesão, então estou muito feliz em estar avançando aqui em Uberlândia”, afirmou Monteiro, que está no projeto desde os 8 anos.


Já Moraes e o irmão Vitor Moraes, que disputa a categoria 10 anos (Tennis Kids), integram o projeto Lapidando Tenistas, realizado desde 2017 em Vacaria (RS).


A chave GA do Brasileirão vai até quinta-feira (21). De 22 a 27 acontece a Copa das Federações competição por equipes entre estados. A disputa da chave GA+ (a de maior graduação) começa no dia 26 e vai até o dia 31.


Resultados desta segunda-feira – oitavas de final


12 anos masculino

José Melhem (PR) d. João Siqueira (GO) – 6/2 6/0

Pedro Westphal (RS) d. Vitor Bredan (MG) – 6/2 6/0

Gabriel Espinha (SP) d. Lucas Nonato (SP) – 6/3 6/1

Thiago Intini (SP) d. Aryl Bisneto (AL) – 4/6 6/4 6/1


Davi Sales de Araújo (SE) d. Salomão Santos (DF) – 6/3 6/2


Pedro Lacerda (MG) d. João Guilherme Emídio (GO) – 2/6 6/2 7/5

Afonso Silva (SP) d. Aloysio Becker (SP) – 6/0 6/2

Luca Queiroz (SP) d. Gabriel Oliveira (SP) – 6/4 6/3


14 anos masculino

João Rosa (SP) d. João Gabriel Galhardo (SP) – 7/6 6/0

Davi Campos (MG) d. Felipe Mifano Pinto (SP) – 6/7 7/5 7/5

Mateus Nogueira (MG) d. Jhonatan Muniz (RS) – 6/3 2/6 6/4

Livas Damazio (MT) d. Guilherme Levien (SC) – 6/0 6/3

Guilherme Taleb (GO) d. Lucas Ungaro (SP) – 7/5 6/4

Felipe Badaró (BA) d. Arthur Lobão (RJ) – 7/5 6/3

Nicolas Sciencia (SP) d. Thiago Silveira (MG) – 6/3 7/6

João Domingues (SP) d. Pedro Franco (SP) – 6/4 7/6


14 anos feminino

Julya Emanuelly (TO) d. Luisa Carvalho (SP) – 6/3 6/3

Giovana Toledo (GO) d. Maria Eduarda Freitas (SP) – 6/2 6/1

Beatriz Chebabi (SP) d. Luana Ferreira (SP) - wo


16 anos masculino

Gabriel Jacintho (SP) d. Guilherme Werebe (SP) – 6/0 3/0 ret

Rodrigo Hoppe (SC) d. Felipe Camargo (SP) – 7/5 6/1


Antônio Monteiro (RJ) d. Frederico Moraes (RS) – 3/6 6/1 6/2

Gabriel Haas (RS) d. João Neto (DF) – 6/1 6/4

Breno Bergantini (SP) d. Daniel Paresoto (SC) – 6/3 6/4

Gabriel Castro (MG) d. Guilherme Camargo (TO) – 7/5 6/3

Lucca Roveda (SP) d. Guilherme Nomura (SP) – 2/6 6/3 6/0

Pedro Lemos (SP) d. Davi Fernandes (MG) – 6/1 6/0


18 anos masculino

Thomas Arnold (SC) d. Matheus Pimenta (SP) – 6/1 6/1

Pedro Felipe (SP) d. Henrique de Pádua (AL) – 6/2 6/2

Giovane Calou (SP) d. Lucas Machado (SP) – 6/3 6/2

Eduardo Lage (MG) d. João Felipe Almeida (RS) – wo

Rafael Lessa (GO) d. Davi Silva (DF) – 6/2 7/5

Lucas Lage (MG) d. Paulo Martini (SC) – 6/3 6/4

Davi Gonzalez (SP) d. Guilherme Matta (RJ) – wo

Guilherme Goldenberg (RJ) vs Leandro Endres (DF) – duplo wo

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos