Atlético-GO vence São Paulo (3-1) na ida das semifinais da Sul-Americana

O Atlético-GO se aproximou da primeira final continental de sua história ao vencer o São Paulo por 3 a 1 nesta quinta-feira em casa, no jogo de ida das semifinais da Copa Sul-Americana-2022, disputada no estádio Serra Dourada, em Goiânia.

Jorginho, aos 10 minutos, colocou o time goianiense na frente, mas 13 minutos depois, Luciano, deixou tudo igual com uma bela cabeçada.

O jogo ficou desequilibrado aos 40 minutos, quando Igor Gomes do São Paulo recebeu o segundo cartão amarelo e deixou seu time com um jogador a menos, fator que os donos da casa souberam aproveitar no segundo tempo.

Shaylon, aos 56, colocou o 'Dragão' novamente na frente, e aos 78, Léo Pereira, após uma grande jogada em velocidade, ampliou para 3 a 1, resultado que aproxima o Atlético-GO da final.

Com esse placar, o São Paulo se vê obrigado a vencer por três gols de diferença na próxima quinta-feira para se classificar, enquanto o Dragão pode perder por até um gol de diferença.

Se o São Paulo vencer por dois gols de diferença, a vaga na final será decidida nos pênaltis. Quem avançar enfrentará o vencedor da outra semifinal, entre Independiente del Valle e Melgar, do Peru, com vitória de 3 a 0 para os equatorianos na partida de ida.

--- Ficha técnica:

Estádio: Serra Dourada (Goiânia)

Árbitro: Jesús Valenzuela (VEN)

Gols:

Atlético-GO: Jorginho (11), Shaylon (56), Léo Pereira (78)

São Paulo: Luciano (23)

Cartões amarelos:

Atlético-GO: Wanderson (29), Dudu (45+2), Edson (51), Shaylon (80)

São Paulo: Silveira Gomes (32), Gabriel Neves (70), Igor Vinicius (84)

Expulsões:

São Paulo: Igor Gomes (40)

Escalações:

Atlético-GO: Renan - Dudu (Hayner 46), Wanderson, Klaus, Jefferson (Arthur Henrique 66) - Gabriel Baralhas (Shaylon 46), Marlon Freitas, Edson (Rhaldney Gomes 85), Jorginho, Wellington Rato (Léo Pereira 72) - Diego Churín (cap). Técnico: Eduardo Baptista.

São Paulo: Jandrei - Reinaldo (Wellington Santos 45+1), Léo, Igor Vinicius - Diego Costa (cap), Jonathan Calleri, Luciano (Marcos Guilherme 60), Rodrigo Nestor (Alisson 79) - Igor Gomes, Pablo Maia (Gabriel Neves 60), Nahuel Ferraresi (Patryck 45). Técnico: Rogério Ceni.

prb/cl/aam