Atlético-MG joga mal e é derrotado pelo Avaí pelo Brasileirão


No jogo de abertura da 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Avaí venceu o Atlético-MG, pelo placar de 1 a 0, na Ressacada, em Florianópolis, neste sábado. Com o resultado, enquanto os catarinenses podem deixar a zona de rebaixamento na próxima rodada, os mineiros seguem na sétima colocação.

Dentro das quatro linhas, no primeiro tempo, o que se viu foi uma partida equilibrada, na qual enquanto o Galo usava e abusava da ala esquerda, com combinações entre Rubens e Keno, o Avaí jogava fisicamente, com faltas táticas e velocidade pelos flancos do campo.

Avaí x Atlético-MG
Avaí x Atlético-MG

Galo perdeu para o Avaí fora de casa (Foto: Pedro Souza / Atlético-MG)

Em resumo, uma primeira metade abaixo tecnicamente. O Atlético-MG esbarrava em gestos técnicos e erros de base, o Leão da Ilha, em uma partida relativamente segura, não criava, mas dificultava as ações adversárias.

Logo nos primeiros minutos da segunda etapa, o Avaí encontrou seu gol, com Guilherme Bissoli, de pênalti. Foi o 13º gol do artilheiro do Leão na competição - o oitavo de pênalti.

Logo após, o Galo tentou exercer um ataque contra defesa, mas foi pouco efetivo, e, na base de lançamentos longos e bolas cruzadas na área, não conseguiu marcar. Na estreia de Lisca, o resultado acabou com um jejum de nove jogos sem vencer do time catarinense.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS:

Enquanto o Avaí visita o São Paulo, no Morumbi, no domingo, o Atlético-MG recebe o Palmeiras, na quarta-feira, 28 de setembro, no Mineirão.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA:
AVAÍ 1 x 0 ATLÉTICO-MG
Data: 17 de setembro de 2022 (sábado)
Horário: 16h30 (de Brasília)
Local: Ressacada, Florianópolis (SC)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva e Leone Carvalho Rocha (ambos de GO)
Árbitro de vídeo - VAR: Wagner Reway (PB)
Cartões amarelos: Bruno Silva (AVA), Jemerson (CAM), Rubens (CAM), Cortez (AVA), Nathan Silva (CAM), Raniele (AVA), Lisca (AVA)
Gols marcados: Guilherme Bissoli, aos 09'/2ºT (1-0),

AVAÍ (Técnico: Lisca)

Gledson; Kevin, Bressan, Rafael Vaz e Cortez; Bruno Silva (Matheus Sarará, aos 22'/2ºT), Raniele (Jean Kléber, aos 49'/2ºT) e Jean Pyerre (Pablo Dyego, aos 22'/2ºT); William Pottker, Natanael (Eduardo, aos 44'/2ºT) e Guilherme Bissoli (Guerrero, aos 44'/2ºT).

ATLÉTICO-MG (Técnico: Cuca)

Everson; Guga (Mariano, aos 35'/2ºT), Nathan Silva, Jemerson (Junior Alonso-intervalo) e Rubens; Allan, Jair (Calebe, aos 15'/2ºT) e Nacho Fernández (Ademir, aos 15'/2ºT); Eduardo Vargas (Alan Kardec, aos 25'/2ºT), Keno e Eduardo Sasha.