Athletico-PR defende invencibilidade em reedição da final da Sul-Americana com Red Bull Bragantino

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após vencer o Bahia por 1 a 0, na quarta-feira (22), pelo jogo de ida das oitavas da Copa do Brasil, o Athletico-PR volta suas atenções ao Campeonato Brasileiro, e se prepara para receber o Red Bull Bragantino, neste sábado (25), na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), pela 14ª rodada da Série A.

O encontro é uma reedição da final da Copa Sul-Americana de 2021, disputada em novembro do ano passado, quando o clube paranaense bateu o time de Bragança Paulista por 1 a 0, no estádio Centenario, em Montevidéu (Uruguai).

Naquela ocasião, o time paranaense era comandado pelo técnico Alberto Valentim, que deixou o clube em abril deste ano. Desta vez, o Athletico-PR entra em campo com Luiz Felipe Scolari, o Felipão, como técnico -posto que ele assumiu após uma breve passagem de Fábio Carille, que liderou o elenco por 21 dias.

Sob o comando de Felipão, o time paranaense defende uma sequência de dez jogos de invencibilidade, somando sete vitórias e três empates. No Campeonato Brasileiro, o time soma 21 pontos em 13 rodadas, e ocupa o terceiro lugar. O triunfo neste final de semana ajuda o Athletico-PR a melhorar ainda mais sua posição no G4.

No entanto, o técnico afirmou que já prepara o elenco para o confronto contra o Libertad, na terça-feira (28), pela ida das oitavas da Copa Libertadores, e indicou alterações na formação inicial, poupando nomes importantes. Uma possível escalação inicial do clube paranaense tem: Bento; Orejuela, Pedro Henrique (Matheus Felipe), Hernández e Abner Vinícius; Erick (Hugo Moura), Siles e Vitor Bueno; Vitor Roque (Cirino), Matheus Babi (Pablo) e Cuello.

O Red Bull Bragantino, por sua vez, busca reverter o resultado da final Sul-Americana. Ainda sob o comando de Mauricio Barbieri, o time vem de empate por 2 a 2 com o Santos, e defende uma sequência de quatro jogos invicto no Brasileiro. O clube ocupa a décima posição na tabela, somando 18 pontos em 13 rodadas, e busca a vitória para diminuir a distância do G4.

O time tem como ausências confirmadas o zagueiro Renan, que cumpre isolamento após diagnóstico positivo de Covid-19, o atacante Ytalo, que se recupera de uma inflamação no calcanhar, e o volante Emi Martínez, em transição física. O volante Eric Ramires foi suspenso por cinco jogos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por expulsão na partida contra o Goiás, pela oitava rodada. O Red Bull Bragantino recorreu da decisão, e tem o atleta como dúvida enquanto aguarda resposta.

Portanto, uma possível escalação inicial de Barbieri tem: Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Natan e Luan Cândido; Raul, Lucas Evangelista e Hyoran; Artur, Helinho e Jan Hurtado.

O Red Bull Bragantino entra em campo novamente na próxima segunda-feira (4), contra o Botafogo, no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, pelo Campeonato Brasileiro. O Athletico-PR, por sua vez, encara primeiro o Libertad, na terça-feira, pela Libertadores, antes de virar a chave e enfrentar o Palmeiras, no sábado (2), no Allianz Parque, pelo campeonato nacional.

Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Horário: Às 16h30 (de Brasília) deste sábado (25)

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)

VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)

Transmissão: Furacão TV e Canal do Casimiro na Twitch

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos