Árbitro tem perna fraturada por jogador expulso no Pará

Árbitro foi levado ao hospital da cidade após ser agredido pelo jogador expulso. Foto: (Reprodução/Redes Sociais)
Árbitro foi levado ao hospital da cidade após ser agredido pelo jogador expulso. Foto: (Reprodução/Redes Sociais)

Um revoltante episódio na cidade de Monte Alegre, no oeste do Pará, ganhou as redes sociais após um jogador de futebol, descontente por ter recebido o segundo cartão amarelo e, por consequência, ser expulso de uma partida válida pelo Campeonato Interno da Arena Ribeiro, iniciar uma série de agressões contra o árbitro da partida, Raí Soares.

O jogador, que não foi identificado, já havia recebido um cartão amarelo por uma falta cometida durante a realização da partida e passou o restante do jogo reclamando de forma excessiva com a equipe de arbitragem, além de proferir xingamentos contra os profissionais que eram autoridade máxima dentro de campo, o que fez com que ele recebesse o segundo cartão amarelo e fosse expulso.

Leia também:

Assim que a punição máxima foi apresentada ao atleta, ele começou a perseguir Raí Soares, conhecido também como Karreirinha, desferindo chutes, voadoras e socos contra o árbitro da partida. Uma das pernas de Karreirinha, durante as agressões, acabou sendo fraturada pelo insatisfeito jogador. Logo após a série de agressões, que foi interrompida por jogadores e o restante da equipe de arbitragem, a partida foi paralisada.

Árbitro faleceu em El Salvador após ter sido agredido

O árbitro José Arnoldo Amaya morreu há duas semanas após uma sequência de agressões sofridas durante um jogo de futebol amador em El Salvador. Segundo informações da imprensa local, Amaya apitava uma partida no Estádio Toluca, localizado no bairro de Miramonte, quando foi agredido por um jogador e torcedores, e não resistiu aos ferimentos depois de ser levado ao hospital.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos