Arana sofre lesão no joelho e fica fora da Copa do Mundo

Guilherme Arana sofreu lesão na partida contra o RedBull Bragantino e não terá condições de ser convocado. Foto: (Pedro Souza/Atlético-MG)
Guilherme Arana sofreu lesão na partida contra o RedBull Bragantino e não terá condições de ser convocado. Foto: (Pedro Souza/Atlético-MG)

A lesão sofrida pelo lateral esquerdo Guilherme Arana, do Atlético Mineiro, na partida contra o RedBull Bragantino, na última quarta-feira, é mais grave do que se imaginava e tira qualquer possibilidade do jovem lateral ser convocado pelo técnico da Seleção Brasileira, Tite, para a Copa do Mundo do Catar, que será realizada entre os dias 20 de novembro e 18 de dezembro deste ano.

O lance com o adversário Carlos Eduardo aconteceu aos 47 minutos do segundo tempo, quando a partida já se encaminhava para o seu término. No carrinho sofrido, o joelho esquerdo de Arana teve uma entorse, fazendo com que o lateral esquerdo fosse retirado do gramado do Mineirão sem conseguir colocar seu pé no chão. A equipe de arbitragem considerou o lance para advertência com cartão amarelo.

Leia também:

Arana estava tendo presença frequente nas últimas convocações de Tite durante a preparação para o Mundial do fim do ano e tinha grandes chances de estar na lista final de 26 nomes que irão representar o Brasil no maior torneio de seleções do mundo.

A informação inicial sobre a grave lesão foi divulgada pela Rádio Itatiaia, de Minas Gerais, e não há mais informações quanto aos procedimentos médicos que serão realizados pelo médico do clube e qual será o exato período de recuperação de Guilherme Arana. O jogador, que foi um dos destaques positivos da última temporada, não terá condições de atuar pela Seleção Brasileira ou pelo Atlético Mineiro, retornando, apenas, para a temporada do ano de 2023.