Após São Paulo entrar em contato com a CBF, áudio do VAR sobre gol do Ceará é liberado

O VAR considerou o segundo gol do Ceará como legal (Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC)


Nesta terça-feira (01), o São Paulo enviou um ofício à CBF exigindo o áudio do VAR que analisou um suposto impedimento no segundo gol do Ceará, no empate por 2 a 2 no último sábado (28). Este áudio ainda não havia sido divulgado até esta terça-feira (1).

Galeria
> Copa do Brasil define os 16 classificados às oitavas; veja os times e data do sorteio dos duelos

Tabela
> Veja tabela do Brasileirão 2022 e simule os próximos jogos

A informação sobre o contato do Tricolor paulista com a CBF foi divulgada primeiramente pelo 'GE' e confirmada pelo LANCE!.

Conforme o áudio publicado pela entidade, o gol de Mendoza foi validado pelo árbitro após o VAR informar que não havia a marcação de impedimento.

O gol tinha sido anulado por Bruno Arleu de Araújo, que considerou a posição ilegal no primeiro momento.

CONFIRA OS PRINCIPAIS TRECHOS

"Desvio do ataque no meio", comunicou o árbitro Bruno Arleu de Araújo ao árbitro de vídeo.

"Arleu, posição factual, posição legal, confirme o gol", confirmou Pablo Ramon Goncalves Pinheiro, na cabine de VAR.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos