Após invasão de CT, Victor Sá pede para deixar o Botafogo e não quer mais atuar pelo clube

Victor Sá em ação pelo Botafogo (Foto: Vítor Silva/Botafogo)


O protesto dos torcedores do Botafogo, que invadiram o Espaço Lonier na manhã desta quarta-feira, já começa a ter consequências. Impactado negativamente com o evento no CT do clube, Victor Sá avisou à diretoria que não quer atuar mais pelo Glorioso.


+ Queda na tabela e zona de rebaixamento: veja o que mudou no Botafogo em um mês sem vitórias

O jogador foi um dos presentes no CT quando a torcida conseguiu entrar no local. O treino ainda não havia começado e apenas jogadores lesionados e/ou fazendo regenerativo estavam presentes. O atacante ficou assustado com o que viu.

De primeira, o camisa 29 avisou familiares e parte do staff que ficou incomodado com a situação - como informou primeiramente o jornalista Venê Casagrande.

+ Confira a situação do Fogão na tabela do Brasileiro

A situação, contudo, foi além. Minutos depois, Victor avisou que não quer mais atuar pelo Botafogo por ter se incomodado com a situação. Ele avisou que não vai entrar em campo contra o São Paulo nesta quinta-feira, às 16h no Estádio Nilton Santos, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A diretoria do Botafogo tentará conversar com o jogador para convencê-lo do contrário e que ele mude de ideia, mas o episódio ainda está muito recente na cabeça do atleta. Ainda não há uma definição concreta.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos