Após cirurgias, Neto retorna jogando sal grosso no estúdio: 'Para vocês que queriam que eu morresse'

Neto apresentando o programa Os Donos da Bola (Foto: Reprodução/Band)


Neto retornou do período de licença médica, nesta segunda-feira, após passar por três cirurgias. Empolgado mais do que nunca, o ex-jogador jogou sal grosso em direção no estúdio e mandou um recado para os antis.

- Em nome do Pai, do Filho e do Espirito Santo. Que Deus proteja todos nós. E aqueles que estavam contra, está ai o sal grosso. Vão para a casa do cacete, Vão para o capeta vocês todos - disparou.

Neto ainda comemorou aos gritos a vitória do Corinthians na rodada e chegou a soltar um palavrão ao vivo.

E ainda volto com o Corinthians ganhando jogo. Toca o hino, Cascão (diretor do programa). Toca a porra do hino! Aqui é Corinthians - vibrou o apresentador.

LIMITAÇÕES NAS PERNAS

Neto passou por cirurgias nas pernas para corrigir dificuldades apresentadas após a aposentadoria. O ex-jogador, inclusive, conquistou o direito de ser indenizado pelo INSS por lesões 'definitivas' durante a carreira.

O processo foi vencido por Neto em duas instâncias. O ex-meia alegou nos autos que possui limitações principalmente causadas por esforços repetitivos. Foram citadas uma lesão em 1992 no tornozelo esquerdo e uma ruptura dos ligamentos do tornozelo direito em 1996, além de lesões no quadril e na coluna lombar.

O apresentador da Band, atualmente com 55 anos, alegou ainda que sofre de limitações funcionais definitivas nos dois membros inferiores. Um atestado médico de 2019 comprovou que Neto sofre de escoliose congênita, artrose no quadril, na coluna lombrar, hérnia de disco lombar, artrose no pé e tornozelo e espondilólise, que é um defeito que pode conduzir a uma fratura por estresse do elemento posterior da coluna vertebral.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos