Após cartão vermelho contra o CSA, Pezzolano promete não ser expulso novamente

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Treinador do clube celeste havia sido expulso também na última semana - (Foto: Divulgação/Flickr Cruzeiro)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O treinador Paulo Pezzolano, do Cruzeiro, prometeu uma mudança em seu comportamento na beira do campo. Após expulsão na partida contra o CSA da última quarta-feira, o técnico revelou em entrevista coletiva a promessa feita para os jogadores do time celeste.

Pezzolano foi expulso ainda no primeiro tempo. O treinador reclamou muito após uma falta de Edson no volante cruzeirense Rômulo, pedindo um cartão vermelho para o jogador do CSA. O técnico levou cartão amarelo, e após continuar a reclamar intensamente, o vermelho. Pezzolano chegou a puxar a camisa do árbitro na situação.

- Não vai voltar a acontecer, prometi aos jogadores, que é o mais importante. Eles e o Cruzeiro precisam de mim dentro de campo. (...) Eu errei. Treinador também é ser humano" - expressou o técnico uruguaio.

Na entrevista coletiva, Pezzolano explicou que não está acostumado com a natureza dos lances do futebol brasileiro, e reforçou que iria mudar a conduta. "Não vai voltar a acontecer. Eu não estou acostumado com isso. No Brasil estão acostumados, mas eu não", disse o técnico.

Paulo Pezzolano já havia sido expulso na partida de volta contra o Fluminense no Mineirão pela Copa do Brasil. Na ausência do treinador, a Raposa é comandada pelo auxiliar Martin Varini.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos