Após ação na Justiça de Militão, advogada de Karoline se pronuncia: 'Jamais quis prejudicar a carreira'

Jogador está processando a influencer Karoline Lima, além do Google e do Facebook (Foto: Reprodução/Redes Sociais)


Após a ação movida na Justiça pelo zagueiro Éder Militão, a advogada de Karoline Lima revelou que a influencer estaria "consternada" e "impactada" após saber do caso. O jogador está processando a ex-namorada, além do Google e do Facebook. Ele pede R$ 45 mil por danos morais. A informação é do "UOL".

+ Futuro de Mano Menezes no Inter é definido, Barcelona quer processar Atlético de Madrid… o Dia do Mercado!

- A Karol não sabia de absolutamente nada, soubemos pela imprensa. Era algo que realmente não esperávamos. Karol ainda está consternada, não quer aparecer ou se manifestar no momento. Ela não foi devidamente citada, a citação foi enviada para a casa do Éder no Brasil. Ela ainda está absorvendo tudo, mas já estamos empenhados preparando nossa defesa - afirmou a advogada, que prossegue:

- A Karol jamais quis prejudicar a carreira do Éder, muito pelo contrário e tudo isso será demonstrado em nossa defesa.

+ Karoline Lima chora e faz desabafo após ser processada por Éder Militão

AÇÃO DO JOGADOR

Éder Militão, do Real Madrid, entrou com um pedido de liminar a nível de tutela de urgência, na qual pede que a ex-namorada seja impedida de publicar conteúdos depreciativos sobre ele nas redes sociais. O jogador acredita que a influenciadora vem incitando seguidores a promoverem uma perseguição e a prejudicarem sua imagem na rede social.

O jogador se separou da influencer no dia 6 de julho, quando ela estava grávida de 38 semanas. Ele tem sido criticado por, supostamente, ter abandonado a família.

Na reta final da gravidez , Karoline usou suas redes sociais para desabafar sobre as dificuldades do momento e também sobre sua relação com o zagueiro Em junho, enquanto sentia dores, a influencer revelou aos seus seguidores que era possível encontrar Militão nas "melhores baladas de Miami".