Antony revela motivo para o Ajax não liberá-lo ao Manchester United

Antony quer deixar o Ajax (Foto: KENZO TRIBOUILLARD / AFP)


Antony segue com futuro indefinido. O jogador quer se juntar ao Manchester United, mas a equipe holandesa não quer liberá-lo. Em entrevista ao jornalista Fabrizio Romano, o atacante revelou os bastidores da negociação com o Ajax por uma possível saída. Segundo o brasileiro, o clube não o liberou devido ao curto tempo para buscar um substituto no mercado.

+ Confira os grupos da Champions League

- Hoje, numa reunião com o clube, manifestei o meu antigo interesse em sair, só que desta vez com uma oferta considerável em cima da mesa. Outros já tinham chegado! O Ajax recusou com o argumento de que só têm cinco dias para me substituir - revelou o jogador.

O Manchester United apostou suas fichas na contratação do jogador. Os Diabos Vermelhos ofereceram uma proposta de 94 milhões de euros (cerca de R$ 478 milhões) pela transferência de Antony, que foi recusada pelo Ajax.

Antony contou que o pedido para deixar o Ajax chegou ao clube em fevereiro deste ano, e foi reforçado em junho. Assim, o clube teria tempo para analisar as propostas que chegassem.

- Desde fevereiro deste ano, os meus agentes vieram a Amsterdã para informar ao Ajax do meu desejo de deixar o clube para enfrentar um novo desafio e que alguns clubes interessados ​​chegariam e com eles, certamente uma grande oferta. Em junho deste ano, interrompi minhas férias e vim pessoalmente informar aos dirigentes do Ajax, inclusive novo treinador, sobre minha vontade de sair e que deveriam considerar essa possibilidade, pois era um projeto para duas temporadas - contou Antony.

+ Lucas Paquetá acerta contrato com o West Ham, da Inglaterra

Antony, por sua vez, reforçou seu pedido para deixar o clube feito em fevereiro, o que daria tempo para o Ajax se planejar. Além disso, disse que a equipe também se beneficiaria com a boa oferta do Manchester United.

- Não estou pedindo ao Ajax que me libere, estou pedindo ao Ajax que me venda com a maior oferta por um jogador da Eredivisie (Campeonato Holandês). Venho insistindo neste tema desde fevereiro para que o clube possa reconstruir o time com tranquilidade - disse.