Update privacy choices
Esportes

Qual candidato ao título brasileiro terá mais e menos jogos até o fim do ano?

Yahoo Esportes
Inter e São Paulo estão no topo da classificação(Adriana Spaca/FramePhoto/Gazeta Press)

Por Vinícius Vale

Nos dias atuais, o futebol exige muito do físico dos atletas. O ano de 2018 teve um calendário ainda mais apertado por conta da parada nas competições para a disputa da Copa do Mundo da Rússia. Pensando nisso, o Yahoo Esportes levantou quantos jogos os principais times na disputa pelo título nacional disputaram até o momento e fez uma projeção do número final de partidas ao final da temporada.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

Confira o raio-x dos jogos dos times nacionais:

São Paulo

Com ótima campanha no Brasileirão o time comandado por Diego Aguirre pode se beneficiar de eliminações precoces no Paulista, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana. Até o momento foram 47 partidas disputadas (21 no Brasileirão, 16 no Paulista, seis na Copa do Brasil e quatro na Sul-Americana).

Somadas as 17 rodadas restantes do returno do campeonato nacional, o time do Morumbi chegará a 64 jogos disputados até o fim da temporada.

Flamengo

Mesmo perdendo alguns nomes importantes no elenco como Guerrero e Vinícius Júnior, o Flamengo foi às compras para ter um elenco que pudesse ser competitivo nas competições em 2018. Até o momento, o Mengão já foi à campo 47 vezes no ano (21 jogos pelo Brasileiro, 15 pelo Carioca, sete pela Libertadores e quatro pela Copa do Brasil).

Caso o time carioca chegue nas decisões da Copa do Brasil, da Libertadores e dispute o Mundial, somados aos jogos do Brasileirão, fará no total 77 partidas até o fim do ano.

Internacional

O fato de ter disputado a Série B e não disputar competições continentais, além da precoce eliminação no Campeonato Gaúcho, vai fazer com que o Internacional seja o clube com o menor número de partidas até o fim do ano entre os postulantes ao título nacional.

Até o momento, o Colorado tem apenas 40 partidas jogadas (21 pelo Brasileiro, 13 pelo Gaúcho e seis pela Copa do Brasil). Como só tem o Brasileirão por jogar até o fim da temporada, o time do técnico Odair Hellmann chegará a 57 jogos, número abaixo da média dos principais clubes europeus.

Grêmio

“Infelizmente é o preço que o Grêmio está pagando por ter sido campeão da Libertadores e jogado o Mundial”. Assim o técnico Renato Gaúcho explicou os maus resultados do seu time no início do ano. O Grêmio se recuperou, faturou o estadual e ao mesmo tempo seguiu a maratona de jogos em 2018.

Mesmo sendo eliminado da Copa do Brasil recentemente, o tricolor gaúcho já disputou 51 partidas na temporada (21 pelo Brasileirão, 17 pelo Gaúcho, sete pela Libertadores, quatro pela Copa do Brasil e mais duas pela Recopa Sul-Americana).

Caso repita o sucesso da temporada 2017, conquistando a Libertadores e jogando o Mundial, o Grêmio chegará a 77 jogos, 20 a mais que seu principal rival de estado.

Atlético-MG

Outro time que pode se beneficiar de eliminações precoces na Copa do Brasil e na Sul-Americana para buscar o título do Campeonato Brasileiro é o Atlético. Até o momento, o time mineiro disputou as mesmas 47 partidas de São Paulo e Flamengo (21 pelo Brasileirão, 16 pelo Mineiro, oito pela Copa do Brasil e duas pela Sul-Americana).

Como só tem a disputa do campeonato nacional, o Atlético chegará ao final da temporada com 64 partidas disputadas.

Palmeiras

Um dos times com maior investimento, o Palmeiras também precisa usar o elenco para aguentar a maratona de jogos imposta pelos campeonatos disputados nesta temporada. Até o momento foram 60 partidas (21 no Brasileiro, 18 no Paulista, sete na Libertadores e quatro na Copa do Brasil).

Bem encaminhado na Libertadores, após bater o Cerro Porteño fora de casa e classificado para as semifinais da Copa do Brasil, o time comandado por Luiz Felipe Scolari pode chegar a 80 partidas na temporada, caso conquiste a Libertadores e jogue o Mundial de Clubes.

Corinthians

Outro paulista que deve sofrer com a maratona de jogos até o fim do ano é o Corinthians. Assim como o rival, o time de Parque São Jorge tem 50 partidas na temporada (21 no Brasileiro, 18 no Paulista, sete na Libertadores e quatro na Copa do Brasil).

O cenário é idêntico ao do Palmeiras, com a diferença que o alvinegro terá que reverter a vantagem do Colo Colo na Libertadores para seguir sonhando com o título continental. Assim, poderá chegar aos 80 jogos no ano.

Cruzeiro

Vivendo grande momento nas competições de mata-mata, o time comandado por Mano Menezes também pode ser um dos mais atingidos pela maratona de jogos. São 48 partidas disputadas até o momento (21 pelo Brasileiro, 16 no Mineiro, sete na Libertadores e quatro na Copa do Brasil).

Caso conquiste o hexa da Copa do Brasil e chegue ao tricampeonato da Libertadores, o time mineiro terá 78 partidas na temporada que terminaria com a disputa do Mundial de Clubes.

A título de comparação, o Real Madrid que disputou seis competições na temporada 2017/2018 (Campeonato Espanhol, Copa do Rei, Supercopa da Espanha, Liga dos Campeões, Supercopa Europeia e Mundial de Clubes), jogou 62 partidas neste período.

2 minutos com Nicola – A matemática de Guerrero no Internacional


Reações

Leia também