Update privacy choices
Esportes

Lucas aproveita situação inusitada para embalar no Tottenham

Yahoo Esportes
Lucas comemorando seu gol contra o Fulham (Tottenham Hotspur FC/Tottenham Hotspur FC via Getty Images)

Por Guilherme Dorini, de Londres (ING)

Lucas vive seu melhor momento no Tottenham. Na próxima segunda-feira (27), contra o Manchester United, o brasileiro irá alcançar, pela primeira vez em Londres, três partidas seguidas como titular. Além do bom desempenho dentro de campo, inclusive com gol no último jogo, uma situação inusitada com um companheiro acabou ajudando o ex-jogador do São Paulo.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

Além de chegar ao clube no meio da temporada passada, o que dificultou uma entrada imediata ao time já encaixado, Lucas era o reserva imediato do sul-coreano Heung-Min Son, homem de confiança de Mauricio Pochetino.

O problema é que Son vive um momento inusitado em sua carreira – para não dizer dramático. Como saiu cedo do país para atuar no futebol alemão, o meio-campista acabou não cumprindo seu período como militar, o que é obrigatório na Coreia do Sul.

A princípio, Son é obrigado a cumprir serviço militar durante um período que pode ir dos 21 aos 36 meses. E o tempo joga contra: o jogador do Tottenham tem até aos 28 anos para finalizar a prática, num momento em que já se encontra com 26.

A única opção para escapar desta obrigação é “trazer algum mérito ao país”. Como jogador bem-sucedido de futebol, Son possuía três opções do governo: alcançar as oitavas de final da Copa do Mundo com a seleção nacional (foram eliminados na primeira fase), ganhar uma medalha olímpica (a próxima edição acontece só em 2020) ou ser campeão dos Jogos Asiáticos, que estão em andamento neste exato momento na Indonésia – por isso a ausência do atleta nos jogos do Tottenham.

Enquanto isso, Lucas aproveita. Além de poder chegar a inédita marca de três jogos seguidos como titular dos Spurs, o brasileiro também já alcançou outro número interessante neste começo de temporada: contra o Fulham, pela segunda rodada da Premier League, esteve em campo durante todos os 90 minutos da partida – foi dele também o gol que abriu o placar em Wembley. Antes, sequer havia completado um jogo inteiro pelo time londrino.

Nesta segunda (27), o Tottenham terá pela frente seu primeiro grande desafio na temporada. Com 100% de aproveitamento, bateu Newcastle e Fulham, a equipe comandada por Pochettino viaja até Manchester para enfrentar os donos da casa em Old Trafford. Após perder para o modesto Brighton, o United não vive um bom momento – inclusive no vestiário –, o que pode facilitar para o Spurs.


 

Reações

Leia também