Update privacy choices
Esportes

Festa do Palmeiras tem briga com Andrés e tentativa de chute em Mattos

Yahoo Esportes
Com direito à confusão com Andrés Sanchez, tentativa de chute em Alexandre Mattos e, a partir daí, expulsão do evento (Gazeta Press)

Uma dupla de torcedores do Palmeiras causou na festa de 104 anos do clube, na noite desta terça-feira, em uma casa de shows.  Com direito à confusão com Andrés Sanchez, tentativa de chute em Alexandre Mattos e, a partir daí, expulsão do evento – eles foram tirados do local pelos seguranças a pedido do Palmeiras.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

Primeiro, eles provocaram Andrés Sanchez, presidente corintiano. A dupla, que não faz parte do Conselho Deliberativo, gravou no celular parte da cena que quase acabou em pancadaria com Andrés. Tudo começou quando um deles, com o telefone ligado, provocou o corintiano chamando-o de freguês. Andrés respondeu com um “babaca”. O outro palmeirense então entrou em ação intimidando Andrés.

Diretor de futebol do Timão, Duílio Monteiro Alves ouviu a confusão e acionou seguranças, que evitaram uma briga generalizada. Depois do episódio, Andrés decidiu ir embora na metade da festa.

Depois, Galiotte fez contato com o presidente alvinegro para conversar sobre o ocorrido. Andrés minimizou os acontecimentos.

Mas os palmeirenses não se satisfizeram com a primeira polêmica e, de acordo com dirigentes alviverdes, foram até a mesa onde estavam Galiotte, Alexandre Mattos, entre outros. “Os mesmos que brigaram com o Andrés vieram causar na nossa mesa e quase a derrubaram”, explicou um assessor de Galiotte.

Os seguranças voltaram a agir e um dos torcedores xingou Mattos e tentou acertar um chute, enquanto o diretor-executivo estava sentado. “Esses caras aparentavam estar muito bêbados e queriam arranjar problema. Por isso, foram colocados para fora”, acrescenta a fonte do Blog.

Leia mais:
– Santos demite funcionário por escalação de Sánchez
– Corinthians promete 2º maior bicho do ano contra o Colo Colo
– Galiotte tentará reeleição e já ganha o apoio de Leila Pereira no Palmeiras


Reações

Leia também