Update privacy choices
Esportes

Após insinuação de que Flamengo estaria envolvido no caso Guerrero, clube publica nota contra jornalista da Fox

TV Esporte Blog
Yahoo Esportes

 

 

 

Sormani insinuou que o Fla está envolvido na decisão da Justiça suíça (Foto: Reprodução)

Um comentário do jornalista Fábio Sormani de que o Flamengo estaria envolvido na revogação do efeito suspensivo que liberava Paolo Guerrero para jogar causou irritação no Rubro-Negro. No programa “Fox Sports Rádio” dessa quinta-feira, 24, o comentarista insinuou que os advogados suíços que derrubaram a liminar favorável ao atacante peruano estariam a serviço do Flamengo.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

“Por que três advogados suíços vão entrar contra uma decisão da Justiça comum favorecendo o Guerrero, que é peruano e joga no Brasil? O que se deduz disso aí: pode ser que o Flamengo esteja por trás desse negócio”, indagou.

“Eu não consegui falar com ninguém do Flamengo ainda. Estou tentando falar, eu gostaria que o Flamengo se manifestasse. Vai dizer que não, óbvio. É muito estranho que três advogados suíços entrem na Justiça para cassar a liminar do Guerrero. Qualquer um pode fazer isso!”, disse Sormani.

Leia mais:

Organizada da Lazio proíbe mulheres na primeira fila

Lloris é preso antes de enfrentar o United

Tuchel vai usar novo esquema que deixará Neymar protagonista

No decorrer do programa, o próprio Sormani leu uma mensagem do presidente do clube Eduardo Bandeira de Mello que classificava a notícia como uma “idiotice”. No seu perfil do Twitter, o Flamengo divulgou uma nota em que julgou os comentários do jornalista da Fox como “irresponsáveis” e “contra o bom jornalismo” e ainda negou definitivamente envolvimento do clube no caso.

“O Clube de Regatas do Flamengo repudia os irresponsáveis comentários feitos pelo jornalista Fabio Sormani no programa Fox Sports Rádio desta tarde, em que supôs que o Flamengo teria contratado advogados suíços para cassar a liminar do Tribunal Federal Suíço que permitia ao atleta Paolo Guerrero o exercício de suas atividades profissionais. Sobre o episódio, o Flamengo não é e nunca foi parte no processo que tramitou na FIFA, no CAS e no Tribunal Federal Suíço. O Flamengo jamais contratou advogados suíços para qualquer demanda ou interferência no referido processo. Afirmações como essas depõem contra o nome do Flamengo e contra o bom jornalismo”, finaliza a nota.


2 minutos com Nicola: Mustafá tem derrota histórica no Palmeiras

 

16 Reações

Leia também