Update privacy choices
Esportes

Agora é pra valer! Vai começar a primeira etapa da história do surfe em piscina de ondas

Colaboradores Yahoo Esportes
Yahoo Esportes
O enorme terreno que abriga a piscina de ondas criada por Kelly Slater (Foto: WSL e reprodução)

Por Emanoel Araújo e Guilherme Daolio

Acabou a espera.

Finalmente chegou a hora da maior novidade da temporada 2018 do Mundial de Surfe. Após sete etapas em diferentes tipos de ondas mundo afora, os melhores surfistas do planeta estarão no Surf Ranch, a piscina de ondas artificiais criada pelo 11 vezes campeão mundial Kelly Slater.

Sem as interferências da natureza, todos os atletas terão as mesmas condições e surfarão o mesmo número de ondas para a esquerda e para a direita – serão três para cada lado – que a piscina proporciona. disso, os fãs poderão ter a certeza do dia e horário exato em que o seu surfista favorito entrará na água, fato inédito na história do esporte. Os 8 melhores homens e as 4 melhores mulheres disputarão as finais no domingo.

:: A PISCINA

Lenda dentro das águas e sempre com um pensamento inovador fora dela, Kelly Slater ficou por 10 anos projetando a onda artificial em sigilo. Depois de inúmeras tentativas, a primeira onda rodou no final de 2015. A emoção do ícone do surfe fica clara neste vídeo: 

Além da inovação, do novo formato de disputas e de um novo desafio para o mundo do surfe, o “rancho do tio Kelly” tem sido importante para o futuro do esporte nos Jogos Olímpicos. Após a confirmação da modalidade como esporte olímpico, a piscina de ondas artificiais garantiu a presença do surfe em qualquer cidade-sede do mundo – seja ela litorânea ou não.

Existem outras piscinas de ondas artificiais ao redor do mundo (ver mais informações aquimas nenhuma com a extensão e variação do Surf Ranch. São estes elementos que garantem uma etapa digna da elite do esporte e um show de surfe!

:: OS PRIMEIROS TESTES

Até agora, apenas dois eventos-teste rolaram no Surf Ranch. Em setembro de 2017, os melhores surfistas do planeta foram convocados por Kelly Slater para estrear a sua piscina no Future Classic. E, como tem sido de praxe nos últimos tempos, deu Brasil. Com um surfe rápido, radical e inovador, Gabriel Medina teve o melhor desempenho do torneio amistoso, batendo o também brasileiro Filipe Toledo por detalhes.

Entre as mulheres, a brasileira Silvana Lima também teve um ótimo desempenho, mas por pouco não passou para a final. A disputa foi forte entre a hexacampeã mundial Stephanie Gilmore e a dona de três títulos Carissa Moore, que no fim levou a melhor no histórico evento.

Gabriel Medina e Carissa Moore venceram o primeiro evento da história do Surf Ranch (Foto: WSL e Reprodução)

No mês de maio foi o momento da Founders Cup (ver mais informações aquique teve um formato simulando os Jogos Olímpicos de 2020. Dessa forma, a WSL testou, pela 1ª vez, um torneio por países e com equipes mistas.

 

O Time Brasil, claro, esteve presente. Gabriel Medina, Filipe Toledo, Adriano de Souza, Silvana Lima e Tainá Hinckel formaram a equipe que não conquistou o título, mas beliscou o vice-campeonato. Além do Brasil, também tivemos entre os competidores o Time Estados Unidos, Austrália, Europa e o Resto do Mundo. Este último terminou o evento como campeão, com o integrante da elite do surfe Jordy Smith com capitão.

Mesmo sem o título por equipes, o Brasil também pôde comemorar na Founders Cup. Filipe Toledo tirou a única nota 10 unânime da história das piscinas de ondas artificais. O atleta de Ubatuba arrancou a nota máxima dos cinco juízes e fez a festa da torcida brasileira, que era maioria no evento. Veja no vídeo abaixo:

 

: BRINCADEIRA ‘SALGADA’ E DE GENTE GRANDE

O Surf Ranch não é apenas uma enorme piscina com ondas perfeitas geradas por um também enorme trem. O gigante terreno de Kelly Slater em Lemoore (interior da Califórnia) traz outras opções para quem acompanhar o evento histórico in loco. Além de poder ver os melhores surfistas do mundo em ação, o espectador terá acesso a bares temáticos e lugares para relaxar e ouvir um bom som. Antes da rodada noturna de sábado, ninguém menos que o Blink 182 animará o evento com um show de uma hora de duração.

Mas tudo tem o seu preço. E sai caro. Para a 1ª fase, na próxima quinta-feira (06), não haverá comercialização de ingressos. Quem quiser ir na sexta, sábado ou domingo terá que desembolsar US$ 99 por dia (ou 400 reais). O pacote para os três dias já com o ingresso para o show sai por US$ 199 (por volta de 800 reais). Já um espaço no camarote nos três dias do evento sai pela bagatela de US$ 499, uma brincadeira de mais de 2 mil reais.

A quem está acostumado com as competições de graça nas praias mundo afora, acompanhar o inédito evento ficará um pouco salgado. Importante dizer também que a cidade de Lemoore é no meio do nada (mais de 300km de Los Angeles) e as opções de hospedagem são raras e já estão esgotadas há tempos. Enfim, a WSL (World Surf League) conseguiu o objetivo de monetizar o esporte.

:: PRA MANTER A LIDERANÇA

Uma das esperanças do Brasil (Foto: WSL e Reprodução)

Filipe Toledo quer manter a camisa amarela de líder do ranking mundial

Inovações à parte, o importante da etapa são os pontos e as contas  para o ranking mundial. O retrospecto nos eventos-teste ajuda Filipe Toledo e Gabriel Medina, ambos na ponta da tabela. Faltando quatro etapas para o final da temporada, um bom resultado no Surf Ranch é essencial para as pretensões de títulos dos dois brasileiros (ver mais aqui )

Da mesma forma, a piscina de ondas pode ajudar outros brasileiros que não estão tão bem no ranking a reagir e tentar se manter na elite para o ano que vem. Dos 34 surfistas que compõem a primeira divisão do esporte, apenas os 22 melhores se garantem automaticamente na próxima temporada. Hoje três dos nossos 11 guerreiros estão abaixo dessa faixa e precisam rapidamente reagir.

Entre as meninas, é a chance da australiana Stephanie Gilmore disparar na liderança, mas a americana Lakey Peterson tem treinado bastante em casa para se recolocar na briga pelo inédito título mundial. A brasileira Tatiana Weston-Webb é a terceira melhor do mundo no momento e quer reduzir a diferença para as líderes em Lemoore.

A competição começa nesta quinta-feira (06), às 13h. Na praia, na piscina de ondas, não importa aonde for. O Yahoo! está e continuará de olho em tudo que rola no mundo do surfe para contar aqui para você.

 

 

1 Reações

Leia também