Alcaraz recebe a Medalha de Ouro de Murcia

FFT
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Carlos Alcaraz Gafía, 7º da ATP, está recebendo neste momento a maior honraria concedido pelo governo da Comunidade Autônoma de Murcia, a Medalha de Ouro de Murcia, e tornou-se o mais jovem da história a receber tal honraria.

Neste 9 de junho é celebrado o 'Dia Da Região de Murcia', que determina o reconhecimento do governo central espanhol da autonomia da região, que se oficializou em 9 de junho de 1982. Com o tempo foi criada a celebração da 'Medalha de Ouro' que reconhece trabalhos, grupos, projetos e indivíduos da região, que através de seu trabalho promovem o nome da região na Espanha e no mundo, bem como pessoas que trabalham diretamente para a melhoria da vida das pessoas da comunidade.

Este ano, Alcaraz, de 19 anos, está entre os homenageados. Na distinção da Medalha, não há uma dedicação específica ao "esporte" e o pupilo de Juan Carlos Ferrero receberá a Medalha na categoria "Coração".

Carlos Alcaraz é apenas o 8º atleta a receber tal honraria. E na chegada à cerimônia, o jovem conversou com a agência de notícias EFE e confirmou que volta a jogar apenas em Wimbledon: "Sim, meu próximo torneio será Wimbledon, estou com um pequeno problema no cotovelo. Mas estou pensando em Wimbledon e me preparando da melhor maneira possível para tentar dar uma alegria a todos os murcianos também".

Antes de Alcaraz, apenas outros 7 atletas de Murcia havia recebido a honraria: o deca-atleta Antonio Peñalver, em 1993; o ciclista Mariano Rojas, em título póstumo dado em 1997; o treinador de futenol José Antonio Camacho, em 1991; o jogador de futsal Kike Boned, em 2014; o ciclista Alejandro Valverde e marcha-atleta Miguel Ángel López Nicolás, ambos em 2016; e a jogadora de basquete Laura Gil, em 2017.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos