Agora vai? Com contrato até dezembro, Nathan volta a se firmar com Diniz no Fluminense

Nathan marcou o segundo gol do Fluminense na vitória no clássico (Foto: Marcelo Gonçalves / Fluminense FC)


Com contrato apenas até o final do ano, Nathan vive altos e baixos na passagem pelo Fluminense. Emprestado pelo Atlético-MG, o jogador foi o autor do gol da vitória tricolor sobre o Flamengo no Campeonato Brasileiro e tenta voltar a ganhar moral com o técnico Fernando Diniz na reta final da temporada.

Nathan já tinha sido destaque na derrota para o Corinthians que culminou na eliminação na semifinal da Copa do Brasil. Com atuação ruim do time como um todo, o meia entrou no segundo tempo na vaga de Wellington e conseguiu dar mais dinâmica ao meio-campo do Flu. No final, o jogador acabou indo para a lateral na tentativa de Diniz de colocar a equipe toda para frente.

Veja a tabela do Campeonato Brasileiro

​O Flu desembolsou cerca de R$ 1 milhão pelo empréstimo junto ao Atlético-MG. A opção de compra gira em torno de 5 milhões de euros (cerca de R$ 26 milhões). Nathan tem 29 jogos na temporada e marcou três gols, além de dar uma assistência. Ele chegou a ser titular com Diniz no início da passagem do treinador, mas perdeu espaço e ficou indo e voltando do time.

- O Nathan joga de tudo. É o tipo de jogador que eu gosto (...). É uma coisa que a gente treina. A maneira que o time joga, muito fluida, possibilita essas alternativas. Tem outros jogadores que têm treinado bem. É uma questão e um trabalho que faço praticamente na minha carreira inteira: recuperando jogador, descobrindo as possibilidades e posições. Todos que estão ali têm chance de virar titular. Em determinado momento, algum jogador pode não estar bem e depois melhorar. Nathan, quando cheguei, era um jogador extremamente criticado. Ele entrou bem de novo, é um jogador dinâmico.

Nathan chegou até a ser cogitado em outras equipes do futebol brasileiro por conta do pouco espaço no Flu. Jogador com altas expectativas, o meia ainda não conseguiu se firmar totalmente na equipe. Ele chegou a ser o primeiro testado por Diniz na vaga de Nonato, vendido ao Ludogorets, da Bulgária, mas não teve o resultado esperado. Agora entrando no segundo tempo tem voltado a ser importante.

Com a vitória no Fla-Flu, o Fluminense ultrapassou o Flamengo e assumiu a terceira colocação do Brasileirão com 48 pontos, um atrás do Internacional e a nove de distância para o líder Palmeiras restando 11 rodadas. O Tricolor volta a campo na quarta-feira da semana que vem, quando receberá o lanterna Juventude às 19h (de Brasília) no Maracanã.