Aeropeixe: Soteldo desembarca no Brasil em meio à festa da torcida

Soteldo chega para assumir a camisa 10, deixada por Ricardo Goulart recentemente - Foto: AP Photo/Andre Penner
Soteldo chega para assumir a camisa 10, deixada por Ricardo Goulart recentemente - Foto: AP Photo/Andre Penner

"O Hominho chegou". Assim o Santos resumiu, em um post no Twitter, a importância do retorno do venezuelano Soteldo ao time da Vila Belmiro. O meia-atacante chegou ao País na manhã deste sábado, e foi recepcionado com muita festa pela torcida no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos.

O tradicional "Aeropeixe" reuniu centenas de torcedores do Alvinegro Praiano, que se espremeram no saguão para esperar o momento de reencontrar o venezuelano, principal contratação da Era Rueda.

Logo que chegou, Soteldo recebeu uma camisa branca do Santos e sequer se importou com o frio. Foi logo colocando o manto que tantas vezes vestiu com orgulho e emoção em sua primeira passagem pela Vila Belmiro.

Do aeroporto, Soteldo pegou carona na companhia do santista Bira, do Desimpedidos, e já mandou um recado para a nação, registrado em mais um post do Peixe no Twitter.

A volta de Soteldo

Yeferson Soteldo é considerado o grande reforço da gestão do presidente Andres Rueda. Ele chega para assumir a camisa 10, deixada por Ricardo Goulart recentemente. Um dos fatores que “facilitaram” a negociação é a chegada do zagueiro brasileiro Samir, do Watford-ING. A equipe mexicana precisa abrir uma vaga de estrangeiro e o ex-camisa 10 do Peixe foi o “escolhido” para sair.

A passagem do meia-atacante no Santos foi marcada pela identificação com o clube, a torcida e as crianças. Apesar de ter brilhado com a camisa santista, também houveram polêmicas pelo comportamento e o próprio Rueda chegou a negar o retorno do camisa 10. A negociação pelo venezuelano também envolveu dívidas e transferban ao clube.

Agora de volta, o Baixinho abriu um largo sorriso, e a legenda no post do Santos diz tudo, tanto para o clube quanto para o camisa 10 e para a torcida: "De volta para casa. De volta para a felicidade".